Pular para o conteúdo principal

CIDADÃO CABOFRIENSE, ESCOLHA SER RESPEITADO!



Mais uma vez a cidade virou canteiro de obras a toque de caixa, e, portanto, de qualidade duvidosa. Um mandato inteiro de costas para as reivindicações da população, nenhuma obra, paradeiro geral, e vêm mostrar serviço às vésperas das eleições! E ainda têm a cara-de-pau de colocar placas com os mesmos dizeres de promessa de obra não-realizada que colocaram nas últimas eleições, de novo a promessa de passagem subterrânea em Tamoios...gente, é brincar demais com os cidadãos, é muito desrespeito! 

O que percebemos é que o desgoverno está reconhecendo a paralisia reinante nos últimos anos e tentando mais uma vez enganar o cidadão com obras eleitoreiras de última hora.

Cidadão cabofriense, não se deixe fazer de palhaço mais uma vez, não se deixe usar dessa forma. A sociedade avançou, a comunicação evoluiu ainda mais, os blogs se multiplicaram... Está tudo aí, às claras, reclamações da população, denúncias da corrupção que corre solta, há farto material para se inteirar do que vem acontecendo, o cidadão só será iludido se quiser, se assim permitir. A população hoje tem tudo nas mãos para analisar e comparar, de forma crítica, o proceder dos governantes durante todo este tempo e agora, no fim do mandato. E, não existe gratidão na administração pública. Não há que ser grato ao governante, o que existem são obrigações e direitos por parte de governantes e governados. E a obrigação do governante é trabalhar todos os dias, desde o dia da posse, para realizar obras e disponibilizar serviços de qualidade.

Escolha, meu amigo! Você pode escolher se quer se deixar levar novamente pelo jogo de imagem e aparência deste governo que já te iludiu uma vez, ou quer a autenticidade de quem já mostrou que respeita cada dia do seu mandato, administrando com responsabilidade. 

Ah, e saiba que ninguém pode interferir na sua escolha. Qualquer argumento que utilizarem para pressionar, pesquise antes, busque mais informações, e verá logo que trata-se de algo sem fundamento, pois ninguém pode pressionar ou interferir na sua escolha. E, se você perceber qualquer tentativa nesse sentido, filme, grave, divulgue na internet e na imprensa em geral, denuncie. Qualquer denúncia sobre compra de votos pode ser feita ao Ministério Público Eleitoral, à polícia ou até mesmo ao próprio juiz eleitoral. 
Este é o link para denúncias ao Ministério Público: http://www.mp.rj.gov.br/portal/page/portal/Internet/Cidadao/Ouvidoria_Geral .
O sigilo de seus dados serão preservados.

Vivemos numa democracia, onde a liberdade de decisão é garantia constitucional. Exija respeito à sua inteligência.

Luciana G. Rugani

Comentários

  1. Valeu mesmo. Achei sensacional o alerta. Vamos caminhar com a cabeça erguida e com os pés no chão, sendo mansos, mas também astutos quanto ao cumprimento das responsabilidades governistas.

    ResponderExcluir
  2. O alerta é muito importante para que o eleitor não seja iludido novamente, entretanto deve-se ter atenção com o eleitor que se vende por qualquer presente, esse eleitor não está preocupado com o que pode acontecer no futuro, para ele o importante é levar vantagens, é esse eleitor que se deve fazer um trabalho sério, mostrar que não é só ele que vai ser prejudicado, mas sim toda a sua familia e a população num todo. Faço aqui o meu agradecimento pela postagem, como sempre de grande utilidade.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você tem toda razão. É este o grande problema, pois o eleitor se ilude com ganhos momentâneos e a curto prazo, na verdade perdendo muito mais que ganhando . Assim que passam as eleições tudo volta ao ponto zero, e o eleitor começa novamente a sofrer as mesmas consequências de um governo preocupado somente em manter seu poder. A partir do momento que este eleitor enxergar a bobeira que comete contra si mesmo e contra a sociedade e mudar sua atitude, aí sim esse habito vergonhoso de prometer vantagens em troca se voto começará a perder força.

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto. A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos

PARA HENRY BOREL

Não mais o riso fácil de criança! Os bonecos a lutar, Impulsionados por frágeis mãozinhas, Agora estão inertes Como inerte está  O seu corpinho sofrido. Não mais a alegria E o gosto da liberdade Dos dias fora do calabouço, O seu cárcere de dor. Quantos gritos mudos Em abraços silenciosos. Quantas dores caladas Gritadas em olhar de pavor. Quantos pedidos no choro fácil, No rostinho escondido no ombro No colo de sua algoz. Uma criança somente, E somente só. Única! Seu riso só seu, Seu olhar, sua identidade. Sua voz, seu abraço Únicos! Sua voz agora é silêncio, A mesma voz  Que animava brinquedos A mesma voz  Que implorava socorro na fala curta. Pai, me deixa ficar contigo! A luz aqui Pra sempre se apaga. Ficarão a saudade, E consciências sem paz. Mas a luz vive além Resplandece linda entre anjos. O anjo venceu o leão da arena E em outras esferas foi sorrir, Foi brincar, Foi viver. Liberto está, Para sempre, Das mãos frias de duros golpes, Dos abraços fortes de ódio E da tortura, Que dói

TEXTO EXCELENTE SOBRE RESILIÊNCIA

Como se forma um gênio como o escultor Auguste Rodin?   por Regis Mesquita   Blog www.psicologiaracional.com.br Em 1840 nasceu um gênio chamado Auguste Rodin? Não, ele se tornou um gênio , nasceu com potencialidades, vocações e plano de vida. A sua genialidade foi o fruto final de um longo processo de estudos, tentativas, erros, treinamentos, aprimoramentos, fracassos. Para cada obra bem feita, ele deve ter tido pelo menos uns 400 fracassos. Olhando pelo lado da proporção, o genial Rodin foi um fracassado. O pior vem agora: para cada obra Genial, para cada "obra prima", ele deve ter tido pelo menos uns mil fracassos (obviamente, estes números são projeções minhas). Rodin era pobre, foi rejeitado três vezes ao tentar entrar em escolas de artes. Mas, ele tinha uma arma infalível: ele brincava com a arte. Em nossa sociedade nós dizemos: "isto não é brincadeira, vamos fazer as coisas com seriedade. Se seguisse este preceito, Rodin teria si