Pular para o conteúdo principal

DIÁRIO CABOFRIENSE: A IMPORTÂNCIA DAS REDES SOCIAIS

Minha coluna no jornal "Diário Cabofriense". Abaixo da foto, o texto na íntegra:

Já não é mais novidade para ninguém a força e o crescimento das redes sociais. Temos hoje exemplos aos montes. Mas, por incrível que pareça, ainda temos pessoas e até mesmo instituições e culturas mais resistentes, desconfiadas ao extremo, e até mesmo preconceituosas.
Digo isso porque estava analisando certos comentários que ouvi semana passada no meu ambiente de trabalho e que também já havia ouvido em ambiente familiar, alguns do tipo: "ah, eu quase não entro, não tenho tempo pra isso"; "ah, isso não pode mesmo!! Facebook é totalmente proibido"; ou ainda "tenho sempre mais o que fazer do que mexer com isso". Confesso que me surpreendo com estes comentários, vindo de pessoas que, em tese, eram pra ter um melhor conhecimento das coisas e menos preconceito.
As redes sociais são uma ferramenta, e como toda ferramenta pode ser utilizada para o bem, para o mal ou para nada acrescentar, para ficar parada sem produção. O que fará a diferença será o usuário e sua capacidade criativa. Ora, se temos uma causa pela qual lutar, ou uma empresa para promover, ou ideias para debater, claro que a rede social será altamente positiva se aplicada nesse fim. Podemos desenvolver excelentes trabalhos, dos mais diversos! E, se não temos nada específico, podemos então colaborar na divulgação das ações já existentes, das causas sociais e de mensagens que transmitam algo de bom, pois de assuntos negativos nosso cotidiano já está cheio. Há muita coisa positiva que podemos construir através das redes. As redes sociais hoje são um excelente instrumento de fortalecimento da cidadania, basta que deixemos cair a máscara do orgulho, este sentimento que impede que nos mostremos como somos, que expressemos nossa opinião sem medo da crítica. 
Tudo que se faz, e, principalmente, que se faz bem feito, está sujeito a críticas. Não há que temê-las, são naturais. Publicou-se uma ideia, ainda que somente para uma pessoa, ela está sujeita a críticas. E tenho pra mim que pessoas que negam a importância das redes e que proferem comentários como os que mencionei acima, têm, no fundo, um enorme receio de serem arguidas em suas colocações, são pessoas no fundo totalmente frágeis, muito vulneráveis à opinião do outro. 
O prefeito Alair Corrêa entregou os kits escolares e, mesmo com toda a dificuldade financeira que vem enfrentando, entregou também tablets para alunos das escolas municipais a partir do 6º ano. Em seu discurso, falou sobre o que acha das redes sociais, como elas são importantes e contou o quanto ele as utiliza em seu trabalho, tanto o facebook quanto os blogs, e o quanto estas ferramentas o auxiliam a estar em contato com os cidadãos. Merece nossos parabéns, prefeito Alair! Uma pessoa dinâmica que, do alto de seus 72 anos, segue tão ativa e aberta a essas novas ferramentas é merecedora de aplausos e é um exemplo para tantos que seguem ainda bloqueados pelo muro do orgulho e do preconceito contra as redes sociais. E, entre esses, há gestores de instituições e empresas, por incrível que pareça! Organizações arcaicas onde predominam hábitos antiquados e onde o uso da rede social, ao invés de ser guiado, dirigido, estimulado para fins de divulgação e aprimoramento do próprio trabalho, é simplesmente proibido por gestores sem nenhuma visão estratégica.
Quanto mais desenvolvida a sociedade, mais ativas são as redes sociais e melhor e mais eficaz é o seu uso. Esta é a realidade que veio para ficar.
O prefeito Alair mais uma vez dá uma lição de visão estratégica ao aceitar e utilizar eficazmente as redes em seu trabalho e ao reconhecê-las, através dessa sua atitude, como instrumento essencial na educação dos jovens estudantes. Pena que as pessoas e instituições que ainda possuem tantas ressalvas em relação às redes sociais não se deem a chance de seguir o exemplo do prefeito e abandonar ideias tão ultrapassadas.
"Hoje a rede social é um benefício enorme, o face é um beneficio enorme, os blogs também"... "Eu, por exemplo, sou um apaixonado por esta atividade social". (Alair Corrêa)

Luciana G. Rugani

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

POESIA "COM LU", DE HAIRON HERBERT DE FREITAS

Linda, maravilhosa poesia!!

Com Lú
O amor não acaba, o amor só aumenta. Experimente uma frase, Espere mais e comente.
Seja velho, seja jovem, Esqueça o tempo que passou. O momento é agora, Aproveite tudo com amor.
Não chore, não clame, Seja firme, seja honesto. Não viva mau seus sentimentos, Aos restos estranhos, acalento.
Contudo o amor revigora, Mesmo no atrapalho da hora, Volta sempre sem demora.
O amor é sem fim, É eterno em mim, Consciente estou, Quando estou com amor.
Hairon H. de Freitas 15/7/2019