Pular para o conteúdo principal

UMA GRANDE FESTA MARCA A INAUGURAÇÃO DA NOVA CRECHE NO TANGARÁ

Escola Municipal de Educação Infantil Neusa Agualusa da Costa atenderá crianças de um a três anos de idade



A comunidade do Tangará, em Cabo Frio, recebeu mais uma unidade escolar: a Escola Municipal de Educação Infantil Neusa Agualusa da Costa, que atenderá crianças de um a três anos de idade – a primeira unidade de Cabo Frio pronta para atender às Creches I e II. Ainauguração contou com a presença do prefeito Alair Corrêa; da secretária de Educação, Juciara Noronha Dimas; da secretária adjunta de Educação, Elenice Martins; da equipe da Secretaria de Educação; vereadores; secretários; imprensa e toda a comunidade local. Os familiares da homenageada Neusa Agualusa também estiveram presentes e se mostraram bastante emocionados.

A Creche encantou a todos os presentes. Em sua estrutura estão quatro salas de aula climatizadas, lactário, fraldário, berçário, sala multiuso, com televisores e computadores, grande área externa, playground, refeitório, entre outras dependências – tudo adaptado de acordo com as exigências do novo Plano Nacional de Educação.

O prefeito Alair Corrêa falou com orgulho do novo momento que a cidade vai começar a viver. Ele ressaltou que, apesar de ter atravessado um período bastante difícil com a crise dos royalties, agora a cidade vai começar a mudar.

– A entrega desta creche é apenas uma das várias ações. Vamos começar aqui no Tangará o maior projeto social do país, com distribuição de cestas básicas para famílias cadastradas que recebem agora um Cartão através do programa “Alimentando com Dignidade” – um sistema completo que coíbe tentativas de fraude. Além disso, já estamos começando as reformas das casas populares e o bairro ainda será todo reestruturado, com novo asfaltamento e saneamento básico. Precisei retroagir em diversas ações, mas agora viveremos uma nova fase – contou o prefeito bastante aplaudido pela população.

De acordo com o prefeito, a escolha do local para construção da creche foi em atendimento a uma solicitação antiga dos moradores, principalmente para oportunizar que as famílias pudessem garantir a renda.

– Esse era um sonho antigo da população que agora se torna realidade. As mães poderão deixar seus filhos tranquilamente para irem trabalhar e aumentar a renda familiar. 

O filho de Neusa Agualusa, Dr. Carlos Eduardo Agualusa da Costa, falou em nome da família e em seu discurso destacou a emoção de ver o nome de sua mãe em uma escola de periferia.

– Não imaginei que a creche fosse tão linda. Fiquei muito satisfeito por ter sido aqui, em uma comunidade carente, pois essa sempre foi a preocupação de minha mãe: ajudar essas crianças. Ela ficaria muito contente. Espero que a comunidade zele por este local e valorize a nova unidade que estão recebendo – alertou.

Dr. Carlos também aproveitou o momento para desejar uma boa gestão à diretora da creche, professora Mirtis Pessoa e, ainda, destacou a grande responsabilidade que ela terá em administrar uma unidade com o nome de sua mãe, que sempre lutou pelas causas sociais. A diretora respondeu que conhece bem o desafio e que toda a sua equipe está bastante ansiosa para começar as atividades.

– Tudo aqui foi pensado com muito carinho para atender bebês e crianças bem pequenininhas. Os pais podem ficar tranquilos que seus filhos terão toda a atenção e cuidados que merecem. Além disso, o nosso trabalho será realizado de acordo com os referenciais da Educação Infantil – ressalta.

Com a palavra, a secretária de Educação, Juciara Noronha, falou da importância de abrir uma nova unidade de ensino e destacou:

– O meu coração também está festa.

A escola recebeu o nome em homenagem à Neusa Agualusa da Costa. Natural de Cabo Frio, ela prestou um importante trabalho social com crianças. Muito prestativa e carismática, Neusa era uma pessoa bastante popular tanto em Cabo Frio, como em Arraial do Cabo, sendo até mesmo requisitada por amigos a ingressar na vida política, convite sempre rejeitado por ela. Seguindo os passos de seu pai, Manoel Agualusa Junior, ela foi trabalhar na Cia. Nacional de Álcalis. Lá conheceu seu marido, Dr. José Carlos Pinheiro da Costa, com quem teve dois filhos: Carlos Eduardo Agualusa da Costa e Claudio Augusto Agualusa da Costa. Lutou por 28 anos contra um câncer, tendo falecido em 19 de abril de 2011.

Texto: Anneliese Lobo | Assessoria de Imprensa da Secretaria Municipal de Educação
Fotos: Horácio CF Zone

 


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

POESIA "COM LU", DE HAIRON HERBERT DE FREITAS

Linda, maravilhosa poesia!!

Com Lú
O amor não acaba, o amor só aumenta. Experimente uma frase, Espere mais e comente.
Seja velho, seja jovem, Esqueça o tempo que passou. O momento é agora, Aproveite tudo com amor.
Não chore, não clame, Seja firme, seja honesto. Não viva mau seus sentimentos, Aos restos estranhos, acalento.
Contudo o amor revigora, Mesmo no atrapalho da hora, Volta sempre sem demora.
O amor é sem fim, É eterno em mim, Consciente estou, Quando estou com amor.
Hairon H. de Freitas 15/7/2019