Pular para o conteúdo principal

CABO FRIO: PREFEITO AUTORIZA PAGAMENTO DO "PROEDI"

Quilombolas e Folia de Reis vão receber o incentivo cultural pela primeira vez que vai contemplar 38 projetos culturais


O prefeito Alair Corrêa na manhã desta quinta-feira (20/8) autorizou o pagamento integral do PROEDI para essa sexta-feira (21/8). O ato oficial de entrega dos cheques no valor total de R$ 580 mil será às 11 horas no Teatro Municipal de Cabo Frio.

Durante reunião com o advogado e Controlador Geral do município, Carlos Augusto Cotia, o secretário de Cultura José Facury, o secretário de Governo Toninho Corrêa e o secretário de Comunicação Edinho Ferro, o prefeito Alair Corrêa autorizou o pagamento.

- Mesmo no momento de muita dificuldade financeira, vamos cumprir com o que foi determinado -, disse.

O secretário de Cultura destaca os contemplados do PROEDI.

- Em 2014, fizemos o mesmo processo ampliando o seu valor para R$ 600 mil onde foram contemplados vinte e oito projetos concorrendo e premiando dez ações. E, desta feita, além das folias de reis inserimos os quatro quilombos da zona rural -, disse.

O PROEDI tem como objetivo ensinar como obter recursos e patrocínios não apenas governamentais como da iniciativa privada, mas subsidia a produção de acervo documental histórico-cultural do Município visando as comemorações dos 400 anos de fundação de Cabo Frio, apoiar a pré-produção, a produção, a distribuição e a circulação de apresentações e produtos culturais a serem realizados no município, assim como pesquisas e oficinas, promovendo a qualificação e profissionalização do artista no local.

Confira os contemplados:

Na faixa de dez mil reais foram classificados os projetos:

- PORTAL ACERVO MARCIO WERNECK – Gravação DVD
- AMBULATÓRIO DE PALHAÇOS – Espetáculo
- ALMANAQUE DA IMPRENSA CABO-FRIENSE- Publicação livro
- OFICINA DE MAQUIAGEM ARTÍSTICA LUCIANO PAIVA – Oficina de maquiagem
- O SORVETE – Montagem do espetáculo
- PROJETO SEMEARTE – Oficinas de teatro
- CABO FRIO CONHECERT PARA PRESERVAR E AMAR – Lançamento de livro e gravação de micro vídeos
- INVESTIGAÇÕES PRÁTICAS DA MAQUIAGEM TEATRAL – Oficinas de caracterização cênica

Na faixa de vinte mil reais foram classificados os projetos:

- AS VIAGENS DE AMÉRICO – Apresentação teatral
- O HOMEM E O MAR – PESCA E TRADIÇÃO CABO-FRIENSE – Produção de obra audiovisual documental (DVD)
- MOSTRA DE FILME MADRE – MEIO AMBIENTE; DIREITOS E EDUCAÇÃO Exibição de filme
- DOIS PALHAÇOS E UMA HISTÓRIA DE AMOR – Montagem teatral
- SÉRIE JOVENS PIANISTAS – Concerto
- HOMINUS BRASILIS – Apresentação do espetáculo e oficina
- RAP DA ÁGUA SALGADA – Gravação de CD
- ACERVO RICARDO DO CARMO E A HISTÓRIA CONTADA PELO POVO - Produção de DVD
- FACES DE MALALA – Edição, impressão e publicação literária
- GERAÇÃO UNDERGROUND – Shows de banda de rock
- ERA UMA VEZ...UM CIRCO – Apresentação teatral
- OS FILHOS DA PAUTA – apresentação da banda musical
- BULLING ISSO NÃO É BRINCADEIRA – Apresentação teatral
- VIVÊNCIAS PERIFÉRICAS – MOSTRA E CULTURA DE PERIFERIA – Apresentações e oficinas
- PELOS MUROS DA CIDADE – Produção de vídeo do artista lobão e das fotografias de wolney
- MURILO MENDES- O POETA CÓSMICO – Montagem teatral
- UM SOPRO PARA JUVENTUDE – Concerto
- EXISTE UM PORQUE – Gravação de CD e oficinas

Na faixa de quarenta mil reais foram classificados os projetos:

- O POVO VÊ A BANDA TOCAR II – Apresentações da banda em praça pública
- CABO FIO EM 400 CORES – Arte do grafite

Premiados (R$8.000,00)

- QUILOMBO PRETO FORRO
- QUILOMBO BOTAFOGO
- QUILOMBO MARIA ROMANA
- QUILOMBO MARIA JOAQUINA
- FOLIA DE REIS DA PRAIA DO SIQUEIRA
- FOLIA DE REIS DE SÃO CRISTÓVÃO
- FOLIA DE REIS DO BAIRRO MANOEL CORREA
- REIS DE BOIS
- SOCIEDADE MUSICAL 13 DE NOVEMBRO
- TAMBORES URBANOS

BALANÇO DOS DOIS ANOS:

Investimento cultural – R$ 1.200.000,00
Projetos inscritos nas duas edições – 220 projetos
2013 – 103 projetos
2014 - 54 projetos

Projetos aprovados – 56 projetos

2013 – 28 projetos
2014 – 28 projetos

Ações culturais de caráter popular premiadas – 18 ações

2013 – 8 ações
2014 – 10 ações


---
Secretaria Municipal de Comunicação Social de Cabo Frio

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto. A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos

TEXTO EXCELENTE SOBRE RESILIÊNCIA

Como se forma um gênio como o escultor Auguste Rodin?   por Regis Mesquita   Blog www.psicologiaracional.com.br Em 1840 nasceu um gênio chamado Auguste Rodin? Não, ele se tornou um gênio , nasceu com potencialidades, vocações e plano de vida. A sua genialidade foi o fruto final de um longo processo de estudos, tentativas, erros, treinamentos, aprimoramentos, fracassos. Para cada obra bem feita, ele deve ter tido pelo menos uns 400 fracassos. Olhando pelo lado da proporção, o genial Rodin foi um fracassado. O pior vem agora: para cada obra Genial, para cada "obra prima", ele deve ter tido pelo menos uns mil fracassos (obviamente, estes números são projeções minhas). Rodin era pobre, foi rejeitado três vezes ao tentar entrar em escolas de artes. Mas, ele tinha uma arma infalível: ele brincava com a arte. Em nossa sociedade nós dizemos: "isto não é brincadeira, vamos fazer as coisas com seriedade. Se seguisse este preceito, Rodin teria si

PARA HENRY BOREL

Não mais o riso fácil de criança! Os bonecos a lutar, Impulsionados por frágeis mãozinhas, Agora estão inertes Como inerte está  O seu corpinho sofrido. Não mais a alegria E o gosto da liberdade Dos dias fora do calabouço, O seu cárcere de dor. Quantos gritos mudos Em abraços silenciosos. Quantas dores caladas Gritadas em olhar de pavor. Quantos pedidos no choro fácil, No rostinho escondido no ombro No colo de sua algoz. Uma criança somente, E somente só. Única! Seu riso só seu, Seu olhar, sua identidade. Sua voz, seu abraço Únicos! Sua voz agora é silêncio, A mesma voz  Que animava brinquedos A mesma voz  Que implorava socorro na fala curta. Pai, me deixa ficar contigo! A luz aqui Pra sempre se apaga. Ficarão a saudade, E consciências sem paz. Mas a luz vive além Resplandece linda entre anjos. O anjo venceu o leão da arena E em outras esferas foi sorrir, Foi brincar, Foi viver. Liberto está, Para sempre, Das mãos frias de duros golpes, Dos abraços fortes de ódio E da tortura, Que dói