quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016

CABO FRIO CONCLUI PRIMEIRA ETAPA DO PROGRAMA DE GEOPROCESSAMENTO

Braga, Foguete e Recreio de Cabo Frio foram os bairros que inicialmente sofreram atualizações cadastrais


A Prefeitura de Cabo Frio apresentou esta semana os primeiros resultados do programa de geoprocessamento no município. A grande novidade é a utilização de imagens de satélite para apurar com maior eficácia as edificações do município.

A Secretaria Municipal de Fazenda iniciou os trabalhos do Geoprocessamento, com o objetivo de qualificar o seu cadastro, atualizando-o de forma precisa por meio de imagens de satélite. Na primeira etapa, foram identificados 1.432 imóveis que apontaram diferenças e sofreram atualização cadastral de aumento de área edificada ou passaram de imóveis territoriais para prediais nos bairros Foguete, Braga e Recreio de Cabo Frio.

Cabo Frio possui uma área de extensão territorial de aproximadamente 410,4 km² (conforme informações levantadas junto ao IBGE e disponíveis na internet no sitehttp://cidades.ibge.gov.br) e sofreu um crescimento populacional que saltou em 2001 de 133.341 para 204.486 habitantes em 2014. O crescimento de 53,3% na população resultou em um número exponencial de construções, grande parte dessas de forma desordenada e sem a devida fiscalização.

O município encontrou dificuldades para acompanhar as modificações que ocorrem no espaço urbano, como construções clandestinas, desmembramentos e remembramentos irregulares de terrenos, etc., bem como o tratamento dos processos de atualização e manutenção dos registros cadastrais por falta de recursos humanos e de elementos e mecanismos de apoio para realização destas atividades, o que contribui ainda mais para desatualização sistemática do cadastro imobiliário municipal.

O relatório dos três primeiros bairros que foram mapeados pelo programa da Secretaria de Fazenda apontou um aumento significativo de 452.724,03m² para 1.008.642,46m², o que significa que 555.918,43m² serão inseridos no cadastro imobiliário municipal, o que representa um aumento de 122.79% detectados pelo geoprocessamento.

Os contribuintes que possuem imóveis que sofreram alterações de cadastro serão notificados com a diferença do imposto do exercício de 2016 para pagamento a partir do mês de maio.

Para contatos e informações adicionais, a Secretaria de Fazenda tem os seguintes canais de atendimento:

Portal Fazendário: www.fazenda.cabofrio.rj.gov.br
Setor de Cadastro: (22) 2645-3000 – Ramal: 226

Texto: da Redação
Foto: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...