terça-feira, 24 de maio de 2016

PREFEITO ALAIR CORRÊA FALA À POPULAÇÃO CABO-FRIENSE SOBRE O EMPRÉSTIMO

por Luciana G. Rugani - Em todo o país as prefeituras estão passando aperto, demitindo, fechando serviços, tudo em função da crise nacional. 
Em Cabo Frio a situação foi triplamente mais grave, pois, além da crise nacional, ainda houve a queda (praticamente a zero) dos royalties e a alta despesa herdada de um plano de carreira cuja implantação foi mal planejada. E toda a infraestrutura que a cidade possui, escolas, hospitais, serviços em geral, se manteve. Houve algumas reduções, como nos serviços de limpeza, mas o serviço em geral vem sendo mantido, não foi fechada nenhuma escola, inclusive as de nível médio, cuja manutenção é obrigação do estado. E nem foram fechados hospitais. Houve uma queda brusca na arrecadação, e além disso os repasses mensais do estado e governo federal vêm diminuindo mês a mês, e sem recursos nenhuma cidade vive. Caiu o dinheiro, e não diminuiu a infraestrutura, então é preciso buscar a solução. Fechar serviços essenciais é dura saída, nada aconselhável. Então surgiu o empréstimo, a oportunidade de manter os serviços e angariar recursos, um empréstimo cujo pagamento futuro foi calculado de acordo com as possibilidades do município. 
Essa é a hora, essa é a saída! Merece todo nosso apoio! Agora é o momento de olharmos objetivamente os fatos, acordarmos para nossa realidade e abraçarmos essa oportunidade, pois caso contrário poderemos perder várias conquistas que nossa cidade levou anos para estruturar.
Ficar contra o empréstimo nesse momento é um total contrassenso e os que estão se movimentando contra é porque têm interesse político na falência da cidade ainda neste governo, pois são adversários políticos do prefeito Alair. Mostram claramente com essa atitude que não se importam verdadeiramente com Cabo Frio e que preferem vê-la falida a vê-la reerguer-se novamente nas mãos de Alair.
Abaixo segue pedido do prefeito à população cabo-friense:



O EMPRÉSTIMO!



Campos, Aracaju e muitas outras cidades já conseguiram e utilizam os recursos do EMPRÉSTIMO. Campos, por exemplo, sanou suas finanças e já deu até 10% de aumento aos servidores. Macaé, Rio das Ostras, Casemiro de Abreu, São João da Barra e Carapebús estão na luta buscando. Exceto Macaé, os demais já tiveram seus EMPRÉSTIMOS APROVADOS PELAS CÂMARAS de suas cidades. Contudo, temos aqui em Cabo Frio um Governo PERSEGUIDO PELOS ADVERSÁRIOS, mas que vem lutando semparar para ter também esses merecidos recursos que nos foi assegurado pelo Senado Federal e Certificado pela ANP - Agência Nacional de Petróleo, mas que, repetimos, os adversários da cidade trabalham para que não recebamos. De todas as cidades que têm esse DIREITO ASSEGURADO, Cabo Frio foi a única dentre as que buscam o empréstimo que, além das perdas com o Petróleo, teve também super gastos com a implantação do PCCR. Importante para o Servidor, mas que aumentou as despesas com a folha de pessoal em mais R$500 milhões. NINGUÉM PRECISA MAIS DESSE EMPRÉSTIMO DO QUE CABO FRIO! POR ISSO, PEÇO AO POVO CABOFRIENSE PARA QUE FIQUE AO LADO DELA E CONTRA OS QUE TRABALHAM, IRRESPONSAVELMENTE, PELO CAOS. FINGEM QUE AMAM NOSSA CIDADE, MAS, NA VERDADE, AMAM E QUEREM A QUALQUER CUSTO O PODER!


Alair Corrêa

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...