quarta-feira, 24 de maio de 2017

CABO FRIO - NOTÍCIAS DO DIA DE NOSSA CIDADE

Notícias do dia de nossa cidade - repassadas pela SECOM da prefeitura. Fique por dentro, comente, debata, compartilhe, interaja. Nosso blog é divulgação e interação:

Projeto de esportes terá aulas gratuitas de segunda a sexta à noite na Praia do Forte
As modalidades oferecidas serão: vôlei, futevôlei, beach tennis, treinamento funcional e alongamento

A partir de junho, a Praia do Forte irá receber uma série de atividades esportivas gratuitas no período da noite. O projeto Praia Esporte irá oferecer aulas de vôlei, futevôlei, beach tennis, treinamento funcional e alongamento, com a supervisão de profissionais de educação física. Para isso, uma estrutura será montada diariamente nas areias da praia, na altura da Avenida Nilo Peçanha.
"Temos um patrimônio incrível, que são as nossas praias, e precisamos aproveitá-las para promover qualidade de vida para os moradores da nossa cidade. Vamos começar pela Praia do Forte e, posteriormente, expandir para outras praias", afirma o prefeito Marquinho Mendes.
O projeto será inaugurado com uma cerimônia no dia 2 de junho (sexta-feira), a partir das 19h. Na ocasião haverá apresentações e campeonatos esportivos para demonstração. As atividades com os alunos irão começar no dia 5 de junho (segunda-feira), a partir das 18h.
As aulas serão de segunda a sexta, das 18h às 21h. Das 18h às 19h as aulas serão exclusivas para a Melhor Idade (acima de 55 anos). As aulas de vôlei, futevôlei e beach tennis serão abertas e sob demanda. Já o treinamento funcional e o alongamento serão em turmas de até 20 pessoas. 
As inscrições já podem ser feitas em uma tenda montada na orla da Praia do Forte, das 16h às 20h, ou pelo email praiaesportecabofrio@gmail.com. É preciso informar o nome completo, idade, endereço e o esporte que deseja fazer. Também será necessário apresentar um atestado médico.
__________________
Comsercaf retira das ruas 10 mil pneus por semana
O material recolhido é levado para reciclagem
O descarte irregular dos pneus pode causar muitos danos ao ser humano e à natureza. A proliferação de mosquitos e a poluição ao meio ambiente são alguns dos problemas. Em Cabo Frio, a companhia de Serviços Públicos de Cabo Frio (Comsercaf) recolhe por semana 10 mil pneus, que são armazenados no galpão localizado na Ogiva e, posteriormente, são levados por uma empresa de reciclagem de São Paulo e por artesãos da cidade.
Desde o início do novo governo, a Comsercaf tem trabalhado para dar a destinação correta aos pneus usados e, diariamente, três caminhões baú percorrem os bairros da cidade recolhendo os pneus. De acordo com o Coordenador do serviço, Marcos Antônio Pereira, os caminhões fazem a coleta dos pneus deixados nas vias públicas, em becos e até em lugares de reserva ambiental.
A fim de incentivar a população a dar o destino correto aos pneus, a Comsercaf disponibiliza o serviço gratuitamente. Para solicitar a coleta, basta agendar o recolhimento através dos telefones: 2648.8906 / 2648.8907.
__________________
Cabo Frio inaugura novo espaço cultural no Shopping Park Lagos
Evento de abertura da Galeria de Artes Torres do Cabo acontece na quinta (25), às 18h
Nesta quinta-feira, dia 25, a Secretaria de Cultura inaugura novo endereço para exposição e venda de quadros: a Galeria de Artes Torres do Cabo. O espaço, que vai funcionar diariamente no Shopping Park Lagos, será para abrigar as obras dos artistas do Espaço Cultural Torres do Cabo, na Praia do Forte. A inauguração será a partir das 18h. O prefeito Marquinho Mendes e o secretario de Cultura Ricardo Machado participam da inauguração.
A nova galeria abre ao público todos os dias durante o horário de funcionamento do shopping, das 10h às 22h, e vai contar com artistas pintando in loco. Na inauguração haverá exposição de 12 artistas do Espaço Cultural Torres do Cabo. A proposta da Secretaria é futuramente estender a abrangência da galeria para outros tipos de atividades culturais.
"A galeria será uma extensão do nosso Espaço Cultural Torres do Cabo e tem como objetivo, não apenas promover a arte, mas também criar novas oportunidades para os artistas locais exporem seus trabalhos", considerou o secretário Ricardo Machado.
_________________
Festa à fantasia é tema de comemoração dos aniversariantes do mês do Caps II
Evento acontece nesta sexta e terá a participação do Grupo Cosplay Solidário
Os assistidos pelo Centro de Atenção Psicossocial – Caps II – vão ganhar uma festa pra lá de divertida, nesta sexta-feira (26). A comemoração aos aniversariantes do mês de maio será à fantasia e terá a participação do Grupo Cosplay Solidário. A programação está marcada para às 10h e é organizada pela equipe do Centro.  
Para psicóloga e diretora do Caps II, Ariadne Oliveira, a expectativa para essas comemorações é sempre grande, porque cada mês tem um tema diferente. Além de um ambiente de confraternização, é terapêutico. “Esse Projeto foi criado em 2008 e estamos resgatando agora, sempre com parcerias. Felizmente contamos com nossos estagiários de Psicologia e Serviço Social que estão sempre ajudando a Equipe com os temas. A última foi sucesso total. Fizemos o tema "Rock Mental", com a presença do Moto Clube Tubarões", comemorou a diretora. 
Ariadne ainda comentou sobre a importância dessa reinserção com o apoio da família nesse projeto. “A família é peça fundamental nesse processo e ela é sempre convidada a participar”, disse. 

Sobre o Caps II

O Caps II é uma unidade especializada em saúde mental para tratamento e reinserção social de pessoas com transtorno mental grave e persistente. O centro oferece um atendimento interdisciplinar, composto por uma equipe multiprofissional que reúne médicos, assistentes sociais, psicólogos, psiquiatras, farmacêuticos entre outros especialistas.
O Centro fica localizado na Rua General Alfredo Bruno Gomes Martins, s/nº, no Braga. Os atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Para outras informações, a Coordenadoria disponibiliza o telefone (22) 2648-8069.
_______________
Prefeitura discute atendimento à mulher na rede pública
Evento acontece na Universidade Estácio de Sá até às 17h
Discutir o atendimento à mulher na rede pública é o tema abordado no encontro  entre as equipes técnicas da Secretaria de Assistência Social e da Guarda Civil Municipal, promovido pela Prefeitura de Cabo Frio, por meio da Coordenadoria-Geral do Direto da Mulher. O evento acontece na Universidade Estácio de Sá, nesta quarta-feira (24), e segue até às 17h.
O encontro tem o objetivo de mostrar como funciona o atendimento às mulheres vítimas de violência e como elas devem ser encaminhadas ao serviço do Centro Especializado de Atendimento à Mulher (Ceam). Além disso, o evento promove a sensibilização dos demais setores de como atender essas mulheres, eliminando a discriminação e o possível preconceito institucional.
As palestras são ministradas por Cristina Fernandes, coordenadora do Centro Integrado de Atendimento à Mulher (CIAM) Márcia Lyra, do Rio de Janeiro, e Tatiana Crispim, a primeira advogada transexual de Cabo Frio.  
Participam do evento a vice-prefeita, Rute Schuindt, 80 profissionais que atuam no Ceam, no Centro de Referência Especializado de Assistência Social (Creas), no Centro de Referência de Assistência Social (Cras) e na Gestão do Sistema Único de Assistência Social (Suas), além de uma equipe da Coordenadoria da Mulher de Arraial do Cabo.
Charitas recebe Exposição de Orquídeas 
Mostra vai exibir diversidade de espécies e divulgar informações sobre o cultivo das plantas
A Casa de Cultura José de Dome – Charitas - vai receber nos dias 26, 27 e 28 de maio a Exposição de Orquídeas 2017. A mostra está sendo organizada pela Orquídeas Marinho e tem o apoio da Secretaria de Cultura. O objetivo da mostra é exibir uma diversidade de espécies e divulgar informações sobre o cultivo das plantas.
Segundo os expositores, o clima da região é bastante propício para o cultivo de muitas espécies que poderão ser conferidas e adquiridas durante o evento. As orquídeas se destacam pela beleza e floração. A mostra contará com cattleyas, laelias, catasetum, miltônias, rodriguesias, lumias, vandas, oncidium, denphal, entre outras espécies de orquídeas.
A visitação acontecerá no Corredor Cultural, das 10 às 20h. A entrada é gratuita.O Charitas fica localizado na Avenida Teixeira e Souza, nº 855, no Centro.
___________________
Cabo Frio realiza ação de conscientização no trânsito
Movimento "Maio Amarelo" quer reduzir índice de acidentes e mortes 
A Prefeitura de Cabo Frio adere ao movimento mundial Maio Amarelo, proposta que pretende reduzir os índices de acidentes e mortes no trânsito. Para isso, a partir desta quinta-feira (25), equipes da Guarda Municipal atuarão em blitz educativas que terão como objetivo educar os usuários da via pública (motoristas, motociclistas, pedestres e ciclistas). Também será feita a distribuição de panfletos informativos. As ações serão concentradas em pontos estratégicos da cidade.
Segundo o Diretor de Ensino e Capacitação da Guarda Municipal, Emmanoel Mattos, o Maio Amarelo é uma oportunidade para conscientizar os usuários das vias públicas sobre os perigos do trânsito. A iniciativa, popular em muitos países, teve a cor do movimento escolhida estrategicamente devido às cores do semáforo em todo o mundo, no qual o amarelo simboliza “atenção pela vida”.
“Todas as ações do movimento são para melhorar o diálogo entre administração pública e sociedade. É importante que os motoristas e pedestres se conscientizem de sua parcela de responsabilidade para um trânsito mais seguro”, ressaltou.

Objetivo do Maio Amarelo

O movimento é resultado de uma ação coordenada entre o Poder Público e a sociedade civil. A intenção é colocar em pauta o tema da segurança viária e mobilizar toda a sociedade, envolvendo os mais diversos segmentos: órgãos de governos, empresas, entidades de classe, associações, federações e sociedade civil organizada. Como tema em discussão, a ideia é, efetivamente, engajar-se em ações e propagar o conhecimento, abordando toda a amplitude que a questão do trânsito exige nas mais diferentes esferas.
O Maio Amarelo estimula a promoção de atividades voltadas à conscientização, ao amplo debate das responsabilidades e à avaliação de riscos sobre o comportamento de cada cidadão dentro de seus deslocamentos diários no trânsito.
A marca que simboliza o movimento, o laço na cor amarela, segue a mesma proposta de conscientização já idealizada e bem-sucedida adotada pelos movimentos de conscientização no combate ao câncer de mama, ao de próstata, ao suicídio e, até mesmo, às campanhas de conscientização contra o vírus HIV – a mais consolidada nacional e internacionalmente.
Vale ressaltar que o Maio Amarelo, como o próprio nome traduz, é um movimento, uma ação e não uma campanha. Ou seja, cada cidadão, entidade ou empresa pode utilizar o laço amarelo em suas ações de conscientização tanto no mês de maio, quanto, na medida do possível, durante o ano inteiro.
__________________
Dia do Trabalhador e Trabalhadora Rural é celebrado neste 25 de maio
Cabo Frio possui 3.500 trabalhadores rurais ativos
Neste dia 25 de maio é comemorado o Dia do Trabalhador e da Trabalhadora Rural. Cabo Frio é reconhecidamente um celeiro da produção rural, com um mercado forte na produção de alimentos e com um grande número de trabalhadores rurais. A maior parcela desses trabalhadores atua em Tamoios.
De acordo com a Secretaria de Agricultura, cerca de 2 mil trabalhadores estão registrados no Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Cabo Frio. Esses trabalhadores são do segmento de agricultura familiar, proprietários de terras, e atuam com os mais variados tipos de produção: inhame, aipim, mamão, coco, maracujá, dentre outros. Alguns desses alimentos são imediatamente vendidos para outras cidades.
Na cidade, existem outros 1.500 trabalhadores que não são sindicalizados, que atuam como assalariados (trabalham de carteira assinada). Existem também os trabalhadores que não possuem carteira assinada, que trabalham na informalidade para terceiros. Nenhum desses está sindicalizado. 
A principal fonte de renda dos produtores rurais é a venda interna, seja nas tradicionais feiras, que acontecem sempre aos fins de semana ou para o comércio local. Cabo Frio, oficialmente, possui duas feiras, a de Tamoios, que acontece todo sábado, e a do Jardim Caiçara, que acontece todo domingo. A feira de Tamoios é relativamente nova, tem aproximadamente 1 ano de existência, mas já é um grande sucesso no distrito. Ela acontece na Avenida Independência, em frente ao Espaço de Eventos, e atrai em média 40 expositores todo sábado, com os mais variados tipos de produtos.
Já a feira do bairro Jardim Caiçara é a mais tradicional da cidade e uma das mais importantes da região. Ela acontece no Mercado Municipal Sebastião Lan, na Rua Inglaterra, e atrai consumidores de outras cidades, devido à grande variedade e qualidade de produtos, além de preços acessíveis.
Devido à importância da produção rural como atividade econômica para a cidade, o presidente do Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais de Cabo Frio, Nosi Rodrigues, ressalta que é fundamental que a população continue comprando desses pequenos produtores:
“A maioria desses produtores são de pequeno porte, com uma produção familiar. A venda desses produtos é a única fonte de renda deles, por isso, temos que incentivar a população a continuar comprando com eles” – ressalta ele.
De acordo com o sindicato, a maior concentração de trabalhadores rurais está em bairros como Agrisa, Araçá e Chavão. Mas há pequenos produtores em bairros do primeiro distrito, como Monte Alegre e Jardim Esperança.

História

A comemoração do Dia do Trabalhador Rural foi instituída no Decreto de Lei nº 4.338, de 1º de Maio de 1964. Historicamente um dos políticos mais engajados na luta dos trabalhadores rurais por seus direitos e questões sociais era o Deputado Federal Fernando Ferreira.
No dia 25 de Maio de 1963, Fernando morreu em um trágico acidente aéreo. A morte de Fernando se transformou em uma data símbolo para os profissionais da categoria.
Em Cabo Frio, o precursor dos direitos do trabalhador rural foi Sebastião Lan. Nascido em 1942, no Espírito Santo, chegou a Cabo Frio em 1968. Instalou-se no bairro Campos Novos, local que passava por sérios conflitos entre grileiros e lavradores. Nessas terras, escreveu sua história de luta pela regularização fundiária.
Organizou a reabertura do Sindicato dos Trabalhadores Rurais, que havia sido fechado pelos militares. Foi eleito presidente do sindicato e quatro meses depois de ter assumido, no dia 06 de junho de 1988, véspera de sua ida à Brasília, onde entregaria importante relatório ao Ministro da Reforma Agrária, Sebastião Lan sofreu um atentado na Rodovia Amaral Peixoto, levando seis tiros. Faleceu cinco dias depois, aos 46 anos de idade.

Sebastião Lan é lembrado por toda a sua história de luta em defesa dos trabalhadores rurais. Ele contribuiu de forma exemplar para o desenvolvimento trabalhista e social da cidade de Cabo Frio, bem como pelos direitos dos trabalhadores rurais. Atualmente dá nome ao mercado que abriga a feira do bairro Jardim Caiçara.

*Fonte: Alerj-
___________________
Conselho Municipal de Cultura realiza primeira reunião
Calendário anual de atividades culturais e criação do Cadastro Artístico foram temas do encontro
Aconteceu nesta segunda-feira (22) a primeira reunião do atual Conselho Municipal de Cultura. O encontro, no Charitas, foi conduzido pelo secretário Municipal de Cultura, Ricardo Machado. Também estiveram presentes o subsecretário da pasta, João Félix, a assessora jurídica do Conselho, Margareth Ferreira, e os 16 dos integrantes da atual formação, que vai vigorar até março de 2018.
Na ocasião, foi eleita a mesa diretora e tratados os seguintes assuntos: o calendário anual de atividades culturais, a criação do Cadastro Artístico, apresentação das ações realizadas de janeiro a abril pela Secretaria de Cultura e a movimentação do Fundo Municipal de Cultura, referentes a esse mesmo período, e os arquivos das atas do Conselho Municipal de Cultura dos anos anteriores.
No encontro, foram anunciadas as atividades culturais que serão realizadas até o fim do ano. Entre elas: Cine Charitas, que acontecerá todas as quintas-feiras a partir de junho; o Dia Internacional da Mulher Latinoamericana, em julho; o Seminário de Origem e Evolução das Escolas de Samba, em agosto; o Dia do Cavaquinho e o Festival de Dança, em setembro; o Festival Curta Cabo Frio e o Encontro Nacional de Corais (a confirmar), em outubro; o Dia Municipal do samba,o Dia da Consciência Negra e o Festival Estudantil de Esquetes, em novembro; o Dia Nacional da Cultura e o Natal da Cultura, em dezembro.
Outro tema apresentado foi a criação do Cadastro Artístico, uma vez que, segundo o secretário de Cultura, não foi encontrado pela atual gestão nenhum registro dessa natureza. Para reverter esse quadro, o primeiro passo foi dado durante o 1º Cabo Frio Artes Manuais, realizado de 12 a 20 de maio, onde o cadastramento foi iniciado, com 300 fichas preenchidas. O próximo passo será a criação de uma ficha cadastral on-line, que ficará disponível no site da Prefeitura, destinada aos artistas da cidade. A iniciativa está em fase de elaboração e será divulgada nos próximos meses. 
Na reunião também foi elaborada a resolução que aponta para a ausência de prestação de contas da movimentação financeira da gestão anterior. O documento será encaminhado para a Procuradoria-Geral do Município, que tomará as devidas providências.
Para o secretário Municipal de Cultura, Ricardo Machado,  umas das prioridades da atual gestão é resgatar atividades que se encontravam estagnadas, como é o caso do Conselho. "Apesar de ter a Função de fiscalizar o Fundo Municipal de Cultura, o  Conselho estava desativado há muito tempo. Então, mantendo a linha do prefeito Marquinho Mendes de reconstrução,  o Conselho voltou a funcionar com nove integrantes da sociedade civil e nove da parte governamental". 
As reuniões do Conselho acontecerão sempre na última segunda-feira de cada mês, no Charitas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...