quinta-feira, 27 de julho de 2017

CABO FRIO - NOTÍCIAS DA CIDADE

Notícias da cidade - repassadas pela SECOM da prefeitura. Fique por dentro, comente, debata, compartilhe, interaja. Nosso blog é divulgação e interação:

Victorino Carriço, autor do Hino de Cabo Frio, faria 105 anos neste sábado
Poeta dá nome a ruas e a uma das salas do Charitas


Neste sábado, dia 29 de julho, o poeta Victorino Carriço completaria 105 anos. Nascido no município de São Pedro da Aldeia em 1912, Victorino dividiu a vida e as paixões entre a cidade de origem, Cabo Frio e Arraial do Cabo. Além de sua dedicação às artes, o poeta também exerceu os cargos de delegado de polícia, banqueiro e vereador, sendo em 1973 o mais votado de Cabo Frio, quando ocupou a presidência da Câmara Municipal. 
Autor do Hino de Cabo Frio, também compôs  os hinos do Colégio Franciscano Sagrado Coração de Jesus, dos municípios de Arraial do Cabo, São Pedro da Aldeia e da Álcalis, empresa expoente na economia da Região dos Lagos entre as décadas de 50 e 90. Além disso, Victorino compôs dezenas de músicas. Uma delas em homenagem ao bairro Passagem, onde ele passou boa parte da infância. "Minha Passagem Querida" é um hino de amor ao bairro que recebe o título de primeiro núcleo de povoamento da cidade. 
Foi fundador e presidente da Academia Cabo-friense de Letras; presidente do Conselho Municipal de Cultura de Cabo Frio; Delegado da União Brasileira de Trovadores, e membro de inúmeras associações culturais no Brasil e no mundo. Em 2015, o poeta recebeu a mais alta Comenda do Estado do Rio de Janeiro na Assembléia Legislativa, a Medalha Tiradentes.
Victorino Carriço faleceu aos 91 anos, em 2003, deixando três livros escritos: Mar e Amar, Vidas Mortas e Se Voltares, todos de trovas, sonetos e poemas.
O secretário de Cultura, Ricardo Machado, destaca a importância de Victorino para a cidade. "Além de ter sido um importante parlamentar da cidade, deixou o legado do melhor hino de todos os municípios do Estado do Rio, onde a parte que muito me agrada diz que 'forasteiro, não há forasteiro,pois nesta terra todos são iguais"

Hino de Cabo Frio: 42 anos de história e curiosidades

Os hinos são um dos principais símbolos de uma cidade, estado ou nação. Em Cabo Frio, a letra e melodia de composição de Victorino Carriço representam o município há 42 anos. Mas você conhece a letra e as curiosidades que cercam o hino da cidade? Então vamos lá!
Não se sabe ao certo o ano de composição de "Meu Cabo Frio", que se tornou hino oficial da cidade através de um Decreto Municipal de 7 de novembro de 1975. De acordo com as lembranças de amigos de Victorino Carriço, a melodia foi criada por volta de 1965.
Segundo familiares do poeta, o Forte São Mateus, um dos principais cartões postais da cidade, foi o cenário de inspiração para a composição de Victorino.
“Ele contava que estava um pouco chateado e foi andar pela cidade. Chegando no canto da Praia da Forte, começou admirar o Forte, a paisagem e os pescadores trabalhando, e então surgiu a inspiração do hino. Ele tinha muito amor por Cabo Frio”, disse Ercília Carriço, filha de Victorino.
O hino da cidade pode ser ouvido no site da Prefeitura, através do link http://www.cabofrio.rj.gov.br/dados-gerais . No endereço também podem ser conferidos outros dados gerais da cidade.

Confira a letra do hino "Meu Cabo Frio"

Cabo Frio, minha terra amada,
Tu és dotada de belezas mil,
Escondida vives num recanto,
Sob o manto deste meu Brasil...

Noites Claras teu luar famoso,
Este luar que viu meus ancestrais...
O teu povo se orgulha tanto,
E de ti, não esquecerá jamais...

Tuas praias, Teu Forte,
Olho ao longe e vejo o mar bravio
A esquerda um pescador afoito,
Na lagoa que parece um rio...

O teu sol, que beleza!
No teu céu estrelas brilham mais...
Forasteiro, não há forasteiro,
Pois nesta terra todos são iguais...
__________________
Roda de Conversa discute propostas para melhorias na Saúde 
 Reunião aconteceu nesta quinta (27) no auditório da Prefeitura 
Discutir e traçar propostas para melhorar a saúde dos munícipes de Cabo Frio foi o objetivo da Roda de Conversa da Vigilância em Saúde realizada na manhã dessa quinta-feira (27), no Auditório da Prefeitura. O tema central foi "Política Nacional de Vigilância em Saúde e Proteção e o fortalecimento do SUS. Na ocasião, foram debatidas e aprovadas 15 propostas que serão apresentadas no dia 29 de agosto na Conferência Regional no município de São Pedro da Aldeia. 
De acordo com a assistente social da Secretaria Municipal de Saúde de Cabo Frio, Suely Osório, o evento foi um sucesso. “Tivemos a participação da comunidade representada em todos os seus segmentos: a vice-prefeita, os quilombolas, a Associação Amigas da Mama, a Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais (Apae), o Centro de Referência em Saúde do Trabalhador (Cerest), entre outros. Esperamos que essas propostas passem por todas as etapas e sejam consolidadas na Conferência Nacional que vai acontecer em Brasília no mês de dezembro. Queremos implantá-las o mais breve possível”, ressaltou.
Para a superintendente municipal em Saúde, Lucy Pires, a reunião possibilita a interação de técnicos, entidades representativas e a população. “Conseguimos elaborar propostas para melhorar a vida das pessoas. Poder falar sobre os problemas mais relevantes e propor condições de amenizar os agravos é o caminho para fortalecer a Saúde do país”.
Estiveram presentes a vice-prefeita, Rute Schuindt; o Subsecretário de Saúde, Luís Carlos Souza; a técnica dos Núcleos Descentralizados de Vigilância em Saúde, Magda Rodrigues; a presidente da Apae de Cabo Frio, Kely Soares; a superintendente Municipal de Saúde, Lucy Pires; a coordenadora da Vigilância Ambiental, Andreia Nogueira; a vice-presidente do Conselho Municipal de Saúde de Cabo Frio, Maria do Socorro; a assistente social da Secretaria Municipal de Saúde, Suely Osório; e técnica do Centro de Referência em Saúde do Trabalhador da Baixada Litorânea (Cerest-BR), Fabiana Godoy.
___________________
Assistência Social faz ação conjunta com a Postura junto à população em situação de rua 
Objetivo é implementar um projeto de garantia de direito desse público
Na quarta-feira (26) uma equipe da Prefeitura realizou uma ação com o objetivo de fazer um levantamento de dados e diagnóstico da população em situação de rua. Na ocasião, essas pessoas foram abordadas e levados à Casa de Passagem, onde foi oferecido acolhimento, recambiamento para cidade de origem e escuta especializada para proporcionar acesso a benefícios sociais através da articulação da rede socioassistencial.
A inciativa foi realizada em parceria entre a Secretaria Municipal de Assistência Social e a Coordenadoria-Geral de Licenciamento e Fiscalização de Posturas, com a finalidade de implementar um projeto de garantia de direito desse público, com atendimento qualificado que visa a emancipação do indivíduo. A equipe da Fiscalização de Posturas, composta por 16 homens, utilizou um caminhão baú e um caminhão caçamba para recolher lixo e materiais que ocupavam as vias públicas e que foram apreendidos.
O Coordenador-Geral de Licenciamento e Fiscalização de Postura, Gilson da Costa, afirmou que a iniciativa conjunta possibilita a retirada desses materiais pela equipe de postura, respeitando a utilização do espaço público e ainda garante o atendimento à população de rua pela equipe de Assistência Social.
Na ocasião foram realizados dez atendimentos, dos quais um foi acolhido, três ficaram de retornar à Casa de Passagem e os demais receberam alimentação e fizeram higiene pessoal, mas não aceitaram acolhimento. 
Para a diretora do Departamento de Proteção Social Especial, Rosana Miranda, a ação foi bem sucedida e pode ser considerada um avanço no processo de saída definitiva das ruas. "Essa recusa ao acolhimento faz parte do processo da emancipação desse público e de saída definitiva das ruas. Eles são sujeitos de direito, podem ir e vir conforme garante a Constituição Federal. Porém devem respeitar a utilização dos espaços públicos conforme previsto em lei", concluiu.
Corrida da Padroeira terá caminhada de três e cinco quilômetros
Inscrições podem ser feitas somente até o dia 10 de agosto
A tradicional corrida da Padroeira de Nossa Senhora de Assunção de Cabo Frio, realizada anualmente pela Paróquia de mesmo nome, terá entre as categorias a caminhada de três e cinco quilômetros. Interessados em participar da edição deste ano têm somente até o dia 10 de agosto para se inscreverem na competição, que acontece no dia 10 de agosto.
De acordo com a organização do evento, mais de mil atletas são esperados na cidade. O evento tem o apoio da Prefeitura por meio das Secretarias de Turismo, Esporte, Ordem Pública, Saúde e Guarda Municipal. A corrida é promovida em homenagem ao dia de Nossa Senhora da Assunção, padroeira de Cabo Frio.
No ato da inscrição, os atletas escolhem a categoria que vão competir: além das caminhadas, os atletas podem decidir pela corrida de 6 e/ou de 10 km. Depois de confirmada a inscrição, o atleta recebe kit com numeral, camiseta, sacola kraft e medalha de participação. Os primeiros na colocação geral ganham troféu, e nas categorias medalhas de ouro, prata ou bronze. De acordo com a produção da corrida, o local de entrega dos kits será informado na semana da competição.
As vendas são feitas pelo site www.diadecorrer.com.br e as taxas para participação nas provas custam a partir de R$ 75. Os primeiros 100 inscritos residentes em Cabo Frio ganham desconto de 20%. Maiores de 60 anos pagam a partir de 37,50. Para solicitar o desconto é necessária a apresentação de comprovante nominal.
Além disso, visitantes que vierem para a prova terão descontos especiais em hotéis e restaurantes. Durante o evento a cada 2,5 km haverá pontos de hidratação, além de área exclusiva de degustação no pós prova.                      
A prova acontece nas imediações da Praia do Forte com concentração na Praça da Cidadania, a partir das 8h. O evento faz parte da programação da Festa da Padroeira promovida pela Paróquia Nossa Senhora da Assunção. Informações pelo telefone 22 97404.5363.
__________________
Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos será aplicado para residentes no Brasil
Inscrições acontecem de 08 a 18 de agosto e prova será no dia 08 de outubro

A Secretaria Municipal de Educação informa, a pedido do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), autarquia vinculada ao Ministério da Educação, que o Exame Nacional para Certificação de Competência de Jovens e Adultos (Encceja) tornará a ser aplicado para os que residem no Brasil. O edital foi divulgado no dia 24 de julho de 2017 e as inscrições acontecem de 08 a 18 de agosto. O exame é destinado aos que não tiveram oportunidade de concluir os estudos em idade própria.
A aplicação da prova será no dia 08 de outubro, em 564 municípios e no Distrito Federal. O exame será realizado pelo Inep com interface junto às Secretarias Estaduais e Municipais de Educação. Até 2016, a prova era ofertada apenas para os brasileiros que moram no exterior, enquanto a certificação do ensino médio dos estudantes residentes no país era realizada por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e do ensino fundamental estava suspensa desde o ano de 2014.
Além do Encceja Nacional, será realizada uma edição no exterior para quem desejar obter certificação de escolaridade para os ensinos fundamental e médio, contemplando os estudantes matriculados no ensino regular, as pessoas privadas de liberdade, bem como as que estejam cumprindo medidas socioeducativas.
________________
Programa Bolsa Família passa a ter atendimento nos Cras
Descentralização do polo do Braga só foi possível após chegada de novos equipamentos
 
A Secretaria Municipal está descentralizando o atendimento do Programa Bolsa Família para cadastro e atualização, que já pode ser feito nos Centros de Referência de Assistência Social (Cras) e o Polo de Maria Joaquina. A medida foi adotada para melhorar o suporte aos assistidos e só foi possível após a chegada de 30 novos computadores, que estão sendo distribuídos entre os oito Cras e o polo. A entrega é realizada nesta quinta (27) e na sexta (28) nos bairros Braga, Tamoios, Manoel Corrêa e Praia do Siqueira e continua na semana que vem em outras unidades. 
"O serviço de cadastramento e atualização era realizado exclusivamente no Polo do Braga e dificultava o acesso de alguns inscritos que moravam em bairros mais distantes, além de causar filas de espera. A partir de agora, os cadastrados podem se dirigir ao Cras da sua região de domicílio, tendo mais facilidade para efetuar atualização ou solicitação de cadastro. Os funcionários de cada equipamento da Assistência já foram capacitados para o atendimento e os novos equipamentos estão sendo instalados nos Cras", explicou Rachel Maia Azevedo, coordenadora do Programa Bolsa Família da Assistência Social de Cabo Frio.

Documentação necessária para a atualização

Adultos: identidade, CPF, título de eleitor, carteira de trabalho e comprovante de residência atual.
Crianças: certidão de nascimento, declaração escolar (com índice de frequência), e cartão de vacina (para crianças de 0 a 7 anos – que deve estar em dia).

Para primeiro cadastro é necessária a documentação original e cópias. Para atualização de cadastro apenas os originais.
____________________
Biblioteca Municipal promove almoço com contação de histórias neste sábado
 Ação, que é destinada ao público infantil, inicia às 11h 
Uma refeição que vai misturar conhecimento e lazer. Assim será a ação ‘’Sopa de Letrinhas’’ na Biblioteca Municipal Walter Nogueira, no bairro São Cristóvão, neste sábado (29). Serão oferecidas cem unidades de sopa com letrinhas de macarrão com contação de histórias simultânea à refeição. A ação vai acontecer das 11h às 13h. A sopa é destinada ao público infantil, porém é aberta ao público, respeitando a ordem de chegada. A iniciativa é uma parceria entre a biblioteca e a Associação de Amigos e Moradores de São Cristóvão. ‘’Esta é mais uma iniciativa da Biblioteca Municipal que faz desta unidade um núcleo de efervescência cultural, social e científico’’, disse o diretor da biblioteca, Anderson Macleyves. Além de leitura, empréstimos e devoluções de livros, a biblioteca oferece aulas de alongamento dinâmico, curso de interpretação de teatro e TV, violão e saxofone, além de promover ciclos de mini palestras. A biblioteca funciona na Avenida América Central, 200 loja 01 - São Cristóvão - Cabo Frio. Em frente ao Hotel Nevada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...