Pular para o conteúdo principal

SÉRIE: VÍDEOS ANTIGOS DE CABO FRIO - CIA. NACIONAL DE ÁLCALIS

por Luciana G. Rugani - A Companhia Nacional de  Álcalis, criada  durante o governo do presidente Getúlio Vargas, foi uma empresa brasileira produtora de barrilha e sal. Assim como na época foram criadas a CSN (Cia. Siderúrgica Nacional), a Vale do Rio Doce e a Fábrica Nacional de Motores, o objetivo do governo era impulsionar a industrialização no Brasil.
Instalada onde hoje é Arraial do Cabo, a Álcalis teve grande participação no desenvolvimento da região. Privatizada em 1992, no governo Collor, a companhia interrompeu sua produção em 2006.
Abaixo segue um vídeo da época de sua instalação e algumas explicações do prof. Achilles Pagalidis


Companhia Nacional de Álcalis

por Achilles Pagalidis - A história da CNA foi, certamente, uma das mais atribuladas de todas as empresas estatais brasileiras criadas no período.
Correlacionando fases político-administrativas do Brasil, entre 1942 e 1960, com etapas da trajetória da Álcalis, pode-se dizer de forma sucinta: a Companhia foi concebida no Estado Novo; deixou o plano virtual, no sentido de vir a ser, no segundo governo de Vargas, quando foi possível iniciar a fase executiva do projeto de engenharia, após a formalização dos contratos de financiamento e assistência técnica; e efetivou sua primeira produção, em 08 de abril de 1960, na conjuntura de expansão do setor industrial formulada por meio do Plano de Metas134 do governo Juscelino Kubitschek. (Fonte: “A Patrimonialização de Remanescentes do processo de industrialização: O legado da Cia. Nacional de Álcalis” - Cláudia Machado Ribeiro, 2012)

Paralelamente às obras, os setores técnicos da Álcalis trabalhavam no contato com os fornecedores franceses, procurando agilizar a formalização dos contratos referentes à montagem da indústria, tudo sob supervisão do BNDE. O gerenciamento desses dispêndios exigia uma rotina que chegava até Paris. Na capital francesa, o Escritório Técnico da Álcalis, funcionando em caráter temporário, tinha por objetivo dar celeridade aos contratos celebrados entre a Álcalis e a empresa Krebs & Cie., além dos investidores e fornecedores franceses, a saber: o Crédit Lyonnais Worns & Cie., a Compagnie Française d'Assurance pour le Commerce Éxterieur, e a Comptoir Internationale d'Achetes et Ventes a l'Étranger (Ciave). ( Fonte: “Vagas da modernidade: a Companhia Nacional de Álcalis em Arraial do Cabo (1943-1964)” - Walter Luiz C. de Mattos Pereira, 2010)

Em destaque, imagens mostrando a visita do governador Ernani do Amaral Peixoto as obras para instalação da Álcalis. (Agência Nacional, 1950)

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

LANÇAMENTO DE MEU LIVRO "MAR DE PALAVRAS" E DO LIVRO "SURFANDO NAS LETRAS", DE ROBERTO AMORIM

Ontem, no Charitas, aconteceu o lançamento de meu livro "Mar de Palavras" e do livro "Surfando nas Letras", de Roberto Amorim. Com a presença de diversos amigos, escritores e poetas, a noite foi um show de poesia e alegria!Para mim foi uma emoção sem tamanho! Ao som do piano de Vania Meireles, amigos queridos declamaram nossas poesias e nos dirigiram palavras engrandecedoras. Foi uma noite mágica!  Para quem deseja adquirir um livro, basta procurar no site https://sebodolanati.com.br/ com o Fábio Lanati. O livro está a venda também nas seguintes lojas virtuais: Americanas, Submarino, Shoptime, Amazon, Estante Virtual, Portal dos Livreiros, Sebos OnLine, Megaleitores e no site Leu Vendeu. Abaixo segue um pequeno vídeo com algumas fotos oficiais do evento, um segundo vídeo com a filmagem completa do evento e algumas fotos: