Pular para o conteúdo principal

HISTÓRICO DA CERTIFICAÇÃO "BANDEIRA AZUL" EM CABO FRIO

por Luciana G. Rugani - Eu sempre fui uma entusiasta do projeto Bandeira Azul e por isso acompanhei desde o início todo o trabalho que o então secretário de Meio Ambiente, Jailton Dias Nogueira Júnior, empreendeu para que a ideia tomasse forma na Praia do Peró, inclusive postei no blog vários artigos sobre o assunto, dos quais segue aqui uma compilação.
O trabalho era feito com seriedade buscando uma certificação realmente galgada na melhoria de toda a infraestrutura, e não somente uma certificação de papel. 
Hoje, o que percebemos é que falta ainda muito para que haja realmente infraestrutura à altura da certificação e que este grupo do governo MM deixou a desejar no trabalho a ser realizado. Preferiram buscar uma certificação baseada somente em obtenção de título e deixar para o próximo governo o trabalho que realmente deveria ter sido realizado, e que será necessário para a manutenção da bandeira. 
É assim que agem... Enganam os que se deixam enganar, não fazem o que devem fazer e deixam a armadilha para o sucessor. Bem típico do governo deles, essa é a verdade.
Abaixo segue texto de Jailton sobre a história da certificação "Bandeira Azul" em Cabo Frio:

HISTÓRICO DA BANDEIRA AZUL EM CABO FRIO. 


No governo na qual fui secretário escrevi no Programa de Governo do então ainda candidato Alair Corrêa a proposta de termos este programa de certificação em Cabo Frio. Vcs sabiam que na época das vacas gordas (nos 8 anos de seu governo) a coordenação do Programa procurou o ex prefeito MM por duas vezes e o mesmo rejeitou a candidatura?
Não obstante da nossa intenção já colocadas no Programa de Governo, fui procurado por moradores do Peró engajados na proteção ( entre eles o Paulo Bayer) dos nossos patrimônios naturais para que o Peró fosse a praia candidata. Sempre entendi que a praia do Forte por si só já tinha seu papel consolidado na região e no mundo. Então reuni a equipe e decidimos em conjunto que o Peró seria a praia candidata. Não tínhamos nenhum recurso (época da crise intensa) , procuramos apoio na iniciativa privada e pagamos a inscrição da candidatura.
Recebemos a vistoria inicial da coordenação da B.A. que aprovaram nossas colocações técnicas. Embora tentaram colocar a praia do Forte como candidata pois a infraestrutura já estaria quase completa. Neguei a ideia com a justificativa de realmente construir está infra na praia do Peró que tanto precisa. 
Fomos a 2 reuniões no RJ colocando gasolina e alimentação do nosso bolso. Conseguimos ser aprovados na candidatura e com outro apoio da iniciativa privada conseguimos a confeção da placa e a sua colocação (está até hoje no mesmo local). 
E TA AÍ. Uma candidatura conseguida na raça onde o M.M. sequer deu apoio. Agora SÓ DEU APOIO porque não tinha outro jeito. Já estava tudo encaminhado e se voltasse atrás a opinião pública iria esculhambar sua gestão ambiental que já era e foi uma das piores de CF. O que vejo nesta "APROVAÇÃO " é que o papel valeu mais que as obras e as exigências que tanto nos pediram. Vejam só, as obras de infra? Acessibilidade? Os acessos pelos asfaltos esburacados, os quiosques , os programa de educação ambiental??? Etc?
2 anos e 6 meses e aí? 
Só espero que o próximo gestor da pasta de M.A. fique esperto quanto toda está questão. Cobre tudo e faça um relatório do que se fez e o que tem a se fazer.

Comentários

  1. Muito triste pessoas com o poder mas mãos, não dá importância ao que o Mundo pede Socorro pelo Meio Ambiente com projetos de infra-instrutória e deixar apenas em papel.Lamentável.
    Políticos sem compromisso algum com a sociedade e com as causas que não lhe trazem,retorno nenhum,nem de consciência.
    Triste realidade.

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

POESIA "COM LU", DE HAIRON HERBERT DE FREITAS

Linda, maravilhosa poesia!!

Com Lú
O amor não acaba, o amor só aumenta. Experimente uma frase, Espere mais e comente.
Seja velho, seja jovem, Esqueça o tempo que passou. O momento é agora, Aproveite tudo com amor.
Não chore, não clame, Seja firme, seja honesto. Não viva mau seus sentimentos, Aos restos estranhos, acalento.
Contudo o amor revigora, Mesmo no atrapalho da hora, Volta sempre sem demora.
O amor é sem fim, É eterno em mim, Consciente estou, Quando estou com amor.
Hairon H. de Freitas 15/7/2019