Pular para o conteúdo principal

CABO FRIO PARTICIPARÁ DO "DIA MUNDIAL DA LIMPEZA" - MAIOR AÇÃO DE LIMPEZA VOLUNTÁRIA DO PLANETA

*ATENÇÃO!

A Prefeitura de Cabo Frio, por meio da Coordenadoria de Meio Ambiente e da Comsercaf, estará realizando as atividades do "Ecomar, limpeza das águas" apenas no canal do Itajuru, desde a Ilha do Anjo até a Praia de São Bento. A Praia do Forte deve receber o mesmo evento no mês de outubro. Isso foi definido no dia 28/08, em reunião entre o Meio Ambiente e a Comsercaf.
Quanto ao evento do mutirão na Praia do Pontal do Peró e Guriri permanecem inalteradas as informações.


No dia 15 de setembro acontecerá o Dia Mundial da Limpeza (Clean World Day), a maior ação de limpeza voluntária do planeta, e Cabo Frio estará presente neste evento através de ações de limpeza das praias e do leito do Canal do Itajuru por meio de mutirões voluntários para retirada do microlixo. 
Essa questão do microlixo é um tema de suma importância do qual já tratamos diversas vezes aqui no nosso blog. O último trabalho de limpeza do microlixo realizado, com as máquinas próprias e todo o acompanhamento técnico, foi por volta de 2014/2015. De lá pra cá não houve mais este trabalho, as praias estão muito sujas e este blog, por diversas vezes, solicitou ao poder público maior atenção a este problema, pois sempre que vamos à praia recolhemos grande quantidade de plásticos, cacos de vidro e outros objetos cortantes que não deveriam estar na areia.
Assim, é com satisfação que divulgo as ações do próximo dia 15, porém gostaria muito que elas não se reduzissem somente ao Dia Mundial da Limpeza, mas sim que pudessem ser realizadas periodicamente, de conformidade com uma escala que contemplasse todas as praias de nossa cidade. Seria muito bom que as pessoas se conscientizassem da importância da união em prol de um trabalho voluntário periódico como este! Nossas praias ficariam mais limpas e ampliaríamos a chance de consolidarmos uma consciência ambiental de cuidado e proteção com nossa natureza.

Mutirão de Coleta de Lixo e Microlixo na Praia do Pontal do Peró e Praia do Guriri


No dia 15 de setembro acontecerá o Dia Mundial da Limpeza (Clean World Day), a maior ação de limpeza voluntária do planeta, e Cabo Frio estará presente neste evento através do mutirão de coleta de lixo e microlixo nas areias e áreas de restinga da Praia Pontal do Peró e Praia do Guriri (Dunas do Peró).
O evento é uma iniciativa da sociedade civil organizada e tem como objetivo retirar resíduos sólidos encontrados na areia da praia, promover a consciência ecológica e incentivar o voluntariado e o trabalho coletivo.
Os voluntários deverão levar sacolas plásticas (podem ser de supermercado), luvas e água para consumo próprio. Haverá uma pequena base de apoio nas duas praias e as inscrições podem ser feitas pelo whatsapp 22-99820-4315 (Paulo Bayer).

Fonte das informações: divulgação facebook









Luciana G. Rugani
“Ecomar, dia de limpeza das águas” em Cabo Frio, dia 15 de setembro, no Canal do Itajuru, em Tamoios e na Praia do Forte *

O "Ecomar", evento que visa promover a limpeza das águas e areias, entrará para o calendário de eventos ambientais de Cabo Frio. Seu principal objetivo é a conscientização da população acerca da limpeza das praias e do leito do Canal do Itajuru.  A organização do evento é formada pelo Comitê Gestor do Programa Bandeira Azul.
O evento se concentrará em três pontos: Praia do Forte, em frente à Avenida Nilo Peçanha, Praia de São Bento, no Canal do Itajuru e em Tamoios, em local da orla ainda a ser definido.
Nas praias, o trabalho será recolher todo o microlixo da areia, enquanto que no Canal Itajuru os mergulhadores da Associação cabo Frio de Pesca Submarina estarão retirando o lixo submerso, com o auxílio de embarcações.
A Comsercaf disponibilizará o barco que recolhe o lixo da Ilha do Japonês, parte de transporte, quantificação e separação do material coletado.
Participarão do evento o Iate Clube do Rio de Janeiro, Trilhas e Mergulho, Canoas Havaianas, Projeto Somar,  Convention Bureau, Mar Sem Lixo, Trilhas e Mergulho, Guarda Marítima, Secretaria de Educação, Amigos do Peró e Associação Cabo Frio de Pesca Submarina.
“Cabo Frio precisa se conscientizar de que a preservação do seu meio ambiente, principalmente das praias, do próprio Canal do Itajuru e, por conseguinte, da Laguna de Araruama, significa a preservação da cidade como ponto turístico. O que o meio ambiente nos proporciona é o que mantém a nossa economia, portanto, toda atenção que se dê à sua preservação e manutenção, ainda é pouco por tudo o que ele significa para a nossa cidade”, destacou o coordenador do Meio Ambiente, Mario Flavio Moreira.

Fonte das informações: Coordenadoria de Comunicação da Prefeitura de Cabo Frio

Comentários

  1. Luciana, a prefeitura de Cabo Frio, por meio da coordenadoria de Meio Ambiente e da Comsercaf, estará realizando as atividades do "Ecomar, limpeza das águas" apenas no canal do Itajuru, desde a Ilha do Anjo até a Praia de São Bento. A Praia do Forte deve receber o mesmo evento no mês de outubro. Isso foi definido ontem, em reunião entre o Meio Ambiente e a Comsercaf. Obrigado pela divulgação!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ok, Luciano! Seja bem-vindo aqui em nosso blog!
      Muito obrigada pela informação, vou atualizar o texto. E quando certamente for enviado outro e-mail com as informações atualizadas, postarei novamente. Ótima noite!

      Excluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto. A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice , não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste,

TEXTO EXCELENTE SOBRE RESILIÊNCIA

Como se forma um gênio como o escultor Auguste Rodin?   por Regis Mesquita   Blog www.psicologiaracional.com.br Em 1840 nasceu um gênio chamado Auguste Rodin? Não, ele se tornou um gênio , nasceu com potencialidades, vocações e plano de vida. A sua genialidade foi o fruto final de um longo processo de estudos, tentativas, erros, treinamentos, aprimoramentos, fracassos. Para cada obra bem feita, ele deve ter tido pelo menos uns 400 fracassos. Olhando pelo lado da proporção, o genial Rodin foi um fracassado. O pior vem agora: para cada obra Genial, para cada "obra prima", ele deve ter tido pelo menos uns mil fracassos (obviamente, estes números são projeções minhas). Rodin era pobre, foi rejeitado três vezes ao tentar entrar em escolas de artes. Mas, ele tinha uma arma infalível: ele brincava com a arte. Em nossa sociedade nós dizemos: "isto não é brincadeira, vamos fazer as coisas com seriedade. Se seguisse este preceito, Rodin teria si