Pular para o conteúdo principal

PLANO MUNICIPAL DE CULTURA É APROVADO POR UNANIMIDADE

por Luciana G. Rugani: parabenizo a todo o meio cultural de Cabo Frio pela  aprovação do Plano Municipal de Cultura, conquista objeto de tantos anos de luta! A cultura só sobrevive em meio ao respeito a todos indistintamente, independente de opções políticas, religiosas, etc. pois o meio cultural é vasto, assim como infinitos são os dons artísticos e culturais. 
Abaixo segue matéria da prefeitura sobre o assunto:

Votação aconteceu na noite desta terça-feira (27) na Câmara de Vereadores
Foi aprovado por unanimidade na noite desta terça-feira (27), na Câmara de Vereadores, o Plano Municipal de Cultura de Cabo Frio. Em uma sessão onde a importância da Cultura foi enaltecida e o segmento foi representado por diversos representantes culturais, um passo importante foi dado para o futuro da classe artística da cidade.

A votação foi a última da pauta, o que resultou numa sessão extraordinária para que o Plano fosse votado na mesma noite. Todos os vereadores foram a favor do documento e não houve abstenção de nenhum edil. "Finalmente conseguimos que esse filho nascesse. O Plano Municipal é uma conquista de todos nós, tanto de quem hoje está representando a cultura através da Secretaria quanto dos artistas da cidade. Estamos esperançosos por dias melhores para nossa Cultura", comentou a Secretária de Cultura, Meri Damaceno.

Em suas falas na plenária, os vereadores Miguel Alencar e Rafael Peçanha, ambos relatores do Plano Municipal de Cultura na Câmara, ressaltaram que aprovar o plano foi o passo mais importante dado agora, mas que no futuro o documento pode ser alterado conforme as novas necessidades que se apresentem. "Por ser um documento, ele pode ser mudado através de emendas. Basta apenas que o diálogo seja mantido entre todos os envolvidos", explicou Miguel Alencar.

Discussão do Orçamento Municipal para Cultura acontece nesta quarta-feira


Nesta quarta-feira (29) às 17h, também na Câmara dos Vereadores, haverá uma reunião para discutir o Orçamento Municipal para a Secretaria de Cultura em 2019. Está previsto o repasse de cerca de 1% a 1,5% do orçamento anual do município para a pasta. Uma comissão organizada pela Secretaria fará parte da mesa de debate para ajudar na discussão do quanto será destinado para a produção de projetos, editais, eventos e gestão dos equipamentos culturais no próximo ano.

"Formamos uma comissão para discutirmos juntos à sociedade civil quais os focos para o orçamento na gestão. Chamamos mais uma vez toda classe artística e sociedade para esse debate junto a Câmara de Vereadores pois quanto mais unidos, mais mostramos nossa força e necessidades como agentes culturais", disse a subsecretária de Cultura, Heliamar Reis. Após o debate, todo o Orçamento Municipal será votado na primeira quinzena de dezembro pelos vereadores em sessão solene.

Texto: Prefeitura de Cabo Frio

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

POESIA "COM LU", DE HAIRON HERBERT DE FREITAS

Linda, maravilhosa poesia!!

Com Lú
O amor não acaba, o amor só aumenta. Experimente uma frase, Espere mais e comente.
Seja velho, seja jovem, Esqueça o tempo que passou. O momento é agora, Aproveite tudo com amor.
Não chore, não clame, Seja firme, seja honesto. Não viva mau seus sentimentos, Aos restos estranhos, acalento.
Contudo o amor revigora, Mesmo no atrapalho da hora, Volta sempre sem demora.
O amor é sem fim, É eterno em mim, Consciente estou, Quando estou com amor.
Hairon H. de Freitas 15/7/2019