quarta-feira, 31 de julho de 2019

POESIA: MAR DE RESSACA


Mar de ressaca

Mar de ressaca
que a praia abarca
Que ira te toma, amigo meu?
Que fúria te faz tão voraz?
Por que tomaste nosso tapete macio das areias de sal?
Sei que choras, amigo...
Tuas águas inundam-se de lágrimas
choras a maldade humana
que lança em ti o lixo que destrói,
choras a tristeza e solidão
de muitos que em ti se banham,
choras as lágrimas dos abandonos.
Escondes a areia branca,
tornando-a cinza
como cinza é tua dor.


Luciana G. Rugani, 31/07/19



2 comentários:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...