quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

DIA DA SAUDADE


Hoje é dia da saudade
Talvez por isso, sem saber, eu tenha despertado com sua presença.
Saudade do presente que já se vai,
Saudade do que foi, do que não foi,
Saudade das palavras ditas,
De um sonho vivido,
De uma imagem criada.
De você, ainda que presente ao meu lado,
De você, distante ou em outro lado.
Saudade de um lugar,
De uma brisa, de um mar,
De uma vida não vivida,
Do que ficou em algum porto,
Ou em alguma estação.
A saudade e seus contrassensos...
Traz a dor do que ficou
Mas revive a alegria.
Traz a dor do desencontro
Mas também gera o encontro,
Pois é nela que me uno ao amor.
Amor que ficou, amor perene.
Amor presente, passado e futuro.
É dentro dela que encontro o que vivi,
O que sonhei,
É nela que está o que vivo.
A saudade é casada com o amor,
E o amor é presença eterna.
Se há amor, há saudade,
Se há saudade, haverá sempre amor.
Pobres daqueles que não sabem o que é saudade,
Sinal de que nunca amaram...
Saudade, toma seu dia,
Leve-o consigo.
Mas não me iludo,
Sei que amanhã voltará.
Saudade, são seus todos os dias. 

Luciana G. Rugani




3 comentários:

  1. Linda poesia, pode sentir a intensidade destes sentimentos que estão entrelaçados, saudade e amor. Belíssima, parabéns.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns poeta pela belíssima poesia, sempre esmerada. Ficou impecável.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...