domingo, 18 de janeiro de 2015

VISITA À CASA KUBITSCHEK

Hoje fomos passear na orla da Lagoa da Pampulha, em Belo Horizonte, e resolvemos aproveitar para conhecer a "Casa Kubitschek".

Construída em 1943 para ser a casa de campo do então prefeito de BH, o ex- presidente Juscelino Kubitschek, foi projetada por Oscar Niemeyer com paisagismo de Burle Marx. Em 1951 foi vendida a Joubert e Juracy Guerra, ficando sob a posse da família até 2006, quando foi adquirida pela Prefeitura de Belo Horizonte.

O espaço foi transformado em museu público, todo em estilo modernista, com mobiliário original de 1951. 

Por ser uma residência de final de semana, a área social da casa é extremamente valorizada, pois as principais atividades ali desenvolvidas eram de cunho social e de lazer. Possui um jardim que acolhe e convida à visitação. Contém espaços especializados de lazer, como sala de jogos, piscina, pátio interno, pomar e pavilhão de lazer. É uma casa para receber, com amplo setor social e um bem resguardado setor íntimo.  

Nas paredes do quarto de solteiro, correspondências, cartas de JK. No outro quarto de solteiro, projeção de imagens da época. No quarto do casal, alguns quadros pendurados contendo pequenos relatos feitos por familiares e amigos das famílias JK e Guerra. Na garagem, um acervo de fotos e textos sobre a época da construção e inauguração do complexo arquitetônico da Pampulha, além de TV's com fones para ouvir historiadores dissertando sobre tema. Os textos reproduzidos no acervo, de autoria de diferentes pessoas, contêm peculiaridades da história do local. Podemos dizer que talvez fossem os "blogueiros" e formadores de opinião da época.

A sala de música era o local da casa onde o ex-presidente Juscelino costumava sentar-se para apreciar as músicas de sua preferência, tendo à sua frente a belíssima vista da Lagoa da Pampulha.

Na área externa, o pavilhão da piscina encontra-se em reforma, por isso ainda não está aberto para visitação, o que poderá ocorrer em breve.

Vale a pena conhecer, a casa é linda! E ainda nos faz realizar uma viagem ao tempo, pois, ao adentrarmos seus espaços, perfeitamente decorados com mobiliário da época, nos sentimos como que nos transportando aos dourados anos de 1950.

Abaixo seguem um pequeno vídeo e algumas fotos do local:














 Fonte das informações: folders e guia de visitação Casa Kubistchek
 Luciana G. Rugani

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...