Pular para o conteúdo principal

A IMPORTANCIA DO VOTO NA DEMOCRACIA


Para falar sobre a importância do voto, não há como fugir de uma breve conceituação de “democracia”.

A palavra “democracia” deriva do grego demos, que corresponde a povo, e kratos, poder. É o sistema onde o poder, entendido como capacidade de decidir, agir e gerar efeitos, emana do povo, tem sua origem nos membros da coletividade, sendo por isso chamado de “poder original”, do qual os cidadãos são os legítimos detentores.

Nosso país adota um sistema que muitos chamam de híbrido onde a soberania popular é exercida diretamente pelo povo (através dos plebiscitos, referendos e iniciativa popular) e indiretamente, através de representantes eleitos livremente por meio do voto.

O voto é o principal instrumento de manifestação da vontade popular. Através dele, o cidadão exerce seu poder de livre escolha daqueles que lhe representarão na condução da administração pública (prefeitos, governadores e presidente) e também na aprovação das leis e fiscalização do Poder Executivo (vereadores, deputados e senadores).

Para ilustrar de forma mais clara e didática a importância do voto, farei uma analogia da cidade e seus cidadãos com uma empresa composta por diversos sócios. O mesmo modelo aplica-se ao estado e ao país, mas vamos nos concentrar na cidade.

Vamos imaginar que nossa cidade seja uma grande empresa cujos sócios sejam todos os seus habitantes. Imaginemos que a arrecadação total da cidade seja seu patrimônio, então, em tese, cada sócio teria sua responsabilidade e seus direitos na proporção do total arrecadado dividido pelo número de habitantes. É impossível, devido a sua grande quantidade, que todos os sócios estejam diretamente na administração desta empresa ou na aprovação dos projetos de trabalho. Dessa forma, os sócios elegem alguns representantes para estas funções, é como se cada sócio passasse uma procuração pública para gerirem seus negócios. É uma comparação com fins didáticos somente para permitir a visualização do nível de responsabilidade que devemos ter ao passar esta procuração, que é o voto. Vender o voto, ou trocá-lo por favores, é fraudar esta "empresa", é entregar completamente seus direitos nas mãos do outro, tornando-se refém das ações e omissões deste outro. Quem vende o voto se vende, vende sua família, sua dignidade. Perde o direito de questionar as atitudes futuras do governante.

Para garantir a liberdade de decisão, o voto é secreto, mas isso não é suficiente. É preciso também impedir que o abuso de poder, em todas as suas manifestações, interfira na liberdade de escolha do eleitor, maculando o processo e ofendendo o direito fundamental à liberdade, que é um dos pilares da democracia. E, para ajudar na fiscalização, a legislação permite a qualquer cidadão denunciar irregularidades eleitorais de que tenha conhecimento.

O voto é a voz do cidadão que quer melhorias, quer saúde, educação, trabalho, obras de qualidade. Este cidadão sabe valorizar seu voto, pois dele não abre mão, e sua escolha é embasada por uma análise própria onde o que pesa são as propostas, as realizações e o passado de cada candidato. Não se deixa levar por discursos baseados em crenças, palavras e gestos repletos de componentes emocionais, jogos de imagem para agradar eleitorado, pois sabe que não é isso que garante um bom governo. Este eleitor sabe escolher o candidato que está em sintonia constante com as reais necessidades da população e cujas realizações do passado avalizam suas promessas futuras, pois sabe que o candidato que acompanha a história do desenvolvimento de sua localidade e que tem o que mostrar de realizações e melhorias para a sociedade com certeza é o que tem maior probabilidade de fazer um melhor governo.

Eleitor, votar com consciência, além de dever, é muito mais um direito e oportunidade de contribuir para a melhoria da sociedade. Não abra mão deste direito. Você é livre, ainda que haja intimidação direta ou velada, ninguém pode tirar-lhe este direito, o sigilo é garantido. E, qualquer irregularidade, denuncie. Não aceite como governantes pessoas que desrespeitam a coisa pública e que jogam no lixo a sua dignidade de cidadão.

Luciana G. Rugani

Comentários

  1. www.conscienciabranca.comunidades.net15 de março de 2014 07:56

    Peço-lhe votar nas enquetes da Camara dos Deputados . A principal enquete é sobre as cotas raciais em concursos públicos. Clique no link abaixo:
    http://www2.camara.leg.br/agencia-app/votarEnquete/enquete/B3F1CAC0-F370-4C2C-A086-8429F92F1CB9
    PARTICIPE DO GRUPO "NÃO ÀS COTAS SIM À EDUCAÇÃO" : http://www.facebook.com/groups/389877431083231/


    PEÇO-LHE PARTICIPAR DAS PETIÇÕES SEGUINTES:

    Fim do voto obrigatório

    http://www.votenaweb.com.br/projetos/pec-28-2008



    VOTO DISTRITAL

    O Voto Distrital é um sistema eleitoral que permite fiscalizar de perto o político eleito e assim podemos realizar as mudanças que desejamos ver no Brasil. É o cidadão com mais poder de decisão. Conheça. Assine. Mobilize. www.euvotodistrital.org.br e

    http://www.votenaweb.com.br/

    projetos/2332

    Pena de Prisão Perpétua Agricola

    www.mrc.org.br

    PETIÇÃO PELO Imposto Único Federal

    http://www.impostounicofederal.org.br

    PETIÇÃO CONTRA A IMPUNIDADE NOS CRIMES DE TRÂNSITO

    VOCÊ VAI TOMAR CONSCIENCIA OU MAIS UM DRINK ?

    http://naofoiacidente.org/blog/assine-a-peticao/



    URGENTE - ASSINE E DIVULGUE ESSA PETIÇÃO

    O governo dos EUA está prestes a tomar a decisão mais importante acerca das mudanças climáticas na presidência de Barack Obama: a aprovação ou não de um oleoduto monstruoso que transportará do Canadá aos EUA, por dia, até 830 mil barris do petróleo mais sujo.
    Caso seja aprovado, o oleoduto Keystone XL ajudará a bombear bilhões de dólares para os bolsos de umas poucas companhias, além de toneladas de dióxido de carbono na atmosfera. O oleoduto está sendo descrito como "o detonador da maior bomba de carbono do planeta". Uma reação ousada da opinião pública já conseguiu atrasar o projeto antes, e outro golpe duro foi dado na semana passada, quando saiu uma decisão judicial contrária ao oleoduto. Agora, se agirmos com rapidez e em grande número, podemos ajudar a acabar com essa ideia de vez.

    http://www.avaaz.org/

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

POESIA "COM LU", DE HAIRON HERBERT DE FREITAS

Linda, maravilhosa poesia!!

Com Lú
O amor não acaba, o amor só aumenta. Experimente uma frase, Espere mais e comente.
Seja velho, seja jovem, Esqueça o tempo que passou. O momento é agora, Aproveite tudo com amor.
Não chore, não clame, Seja firme, seja honesto. Não viva mau seus sentimentos, Aos restos estranhos, acalento.
Contudo o amor revigora, Mesmo no atrapalho da hora, Volta sempre sem demora.
O amor é sem fim, É eterno em mim, Consciente estou, Quando estou com amor.
Hairon H. de Freitas 15/7/2019