Pular para o conteúdo principal

APRESENTAÇÃO DA ALACAF - ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE CABO FRIO NA SEMANA TEIXEIRA E SOUSA

Academia de Letras e Artes de Cabo Frio será inaugurada na Semana Teixeira e Sousa
Instituição fará um resgate da história e da cultura cabo-frienses

A 28º Semana Teixeira e Sousa já tem data: será realizada entre os dias 21 e 28 de março. E essa edição promete ser especial pois vai contar com inauguração da Academia de Letras e Artes de Cabo Frio (Alacaf), que teve seu nome remodelado visando uma reestruturação.

A decisão de criar a entidade foi tomada com o intuito de resgatar a história e aumentar a representatividade da literatura e das artes em geral em Cabo Frio, que é uma cidade histórica, celeiro de poetas e artistas como Teixeira e Sousa, o primeiro romancista brasileiro. E nada melhor do que aproveitar a semana de homenagem ao poeta para inaugurar uma academia de letras.

E esse resgate da história vem acompanhado de uma remodelagem da Academia, que aconteceu com a ciência e aprovação de alguns membros da Academia de Letras original. Mas o processo de “atualização” não se esqueceu das raízes: o presidente de honra da Alacaf é Célio Mendes Guimarães, membro fundador da antiga Academia.

Essa nova fase da Academia é uma iniciativa das professoras e escritoras Jaqueline Brum e Andréa Rezende. Elas são fundadoras do grupo Flores Literárias, de difusão cultural com ênfase na literatura. Por contas das movimentações culturais promovidas pelo grupo, como a realização de saraus mensais e dois festivais de inverno literários, surgiu o convite da Literarte (Associação Internacional de Escritores e Artistas) com a proposta de fundação de uma nova academia.

Para Jaqueline, esse é um momento de grande importância para a cultura cabo-friense: “É um momento de destaque principalmente para a literatura, esta arte tão importante que registra e guarda a memória da cidade, de todo um povo. É também um grande desafio, mas que por amor à cultura estamos enfrentando com o apoio e incentivo de muita gente talentosa. Vamos plantar essa semente que promete gerar muitos frutos para as futuras gerações, deixando um legado aos cabo-frienses”, conta ela.

A nova Academia vai seguir todos os requisitos básicos com os procedimentos normais de gestão, como estatuto e eleição de 4 em 4 anos. O objetivo é que seja uma instituição da cidade, da sociedade, e não de um grupo de pessoas, e também para que a Alacaf seja duradoura, com legado de união de artistas e escritores com o propósito de promoção da arte e da cultura locais.

Para o secretário de Cultura de Cabo Frio, Ricardo Machado, a inauguração da nova Academia é de suma importância para disseminar a literatura na cidade: “Essa é uma iniciativa civil mas que conta com o apoio da Secretaria porque é uma ação cultural que visa expandir a literatura. Qualquer atividade desse tipo terá nosso apoio. E a realização do evento dentro da Semana Teixeira e Sousa só reforça esse sentimento”, conta o secretário.

A posse oficial da Alacaf será no dia 6 de abril, no castelo de Itaipava, em Petrópolis, em um evento da Literarte, que receberá o núcleo literário de Buenos Aires pela primeira vez no Brasil. A diretoria da nova Academia foi convidada, junto a outras ilustres academias, para que fosse feita a posse aos membros fundadores.

Na Semana Teixeira e Sousa, a Academia também será apresentada à sociedade cabo-friense, e em novembro, junto ao aniversário da cidade, será realizado um evento oficial de posse e recepção de novos membros.

Coordenadoria de Comunicação
Prefeitura de Cabo Frio

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

A CIDADANIA NOS DIAS ATUAIS

Cidadania é um termo cujo significado encontra-se em constante evolução, sendo modificado e ampliado através da história. Já esteve ligado somente ao exercício de direitos e deveres políticos, mas hoje, devido à evolução das relações sociais, possui um alcance muito maior que envolve também a questão da participação dos membros da sociedade em prol do bem comum. Há alguns anos atrás, os meios de participação social eram restritos, e daí também o conceito de que cidadão era aquele sujeito detentor do direito de voto.
A nossa atual constituição federal trouxe enorme contribuição para a ampliação da noção de cidadania, através da instituição de diversos instrumentos de participação popular. Foi um grande passo, e por isso é chamada de “constituição cidadã”. A partir daí, algumas questões onde o abuso era mais evidente ganharam destaque e contribuíram ainda mais para a evolução da cidadania, como é o caso das questões de proteção aos direitos do consumidor e do agigantamento dos problemas …

DEMOLIÇÃO DOS QUIOSQUES NA PRAIA DAS CONCHAS E ILHA DO JAPONÊS

Na sexta-feira passada (15), aconteceu a demolição de quiosques na Praia das Conchas e na Ilha do Japonês por fiscais do INEA. Incrível a forma autoritária como as coisas acontecem hoje! Parece que o desrespeito e a força têm sido os principais instrumentos para atingir os objetivos! A questão ali estava sub judice, não havia ainda sentença determinando a demolição, como podem ver abaixo na tramitação do processo. E ainda, a forma como foram feitas as demolições revela total despreparo. Não respeitaram os carrinhos de ambulantes ali guardados, destruíram TUDO, quebraram vidros sem o menor cuidado e preocupação, deixando os pedaços espalhados pela areia da praia, agredindo aquele ambiente natural. Muito triste ver como tornou-se comum resolver as coisas "na marra". Falta total de respeito com anos de trabalho, afinal os quiosques pertenciam a trabalhadores e foram demolidos sem decisão judicial para tal. Seria muito bom saber o que a prefeitura tem a dizer sobre esse triste, lame…

POESIA "COM LU", DE HAIRON HERBERT DE FREITAS

Linda, maravilhosa poesia!!

Com Lú
O amor não acaba, o amor só aumenta. Experimente uma frase, Espere mais e comente.
Seja velho, seja jovem, Esqueça o tempo que passou. O momento é agora, Aproveite tudo com amor.
Não chore, não clame, Seja firme, seja honesto. Não viva mau seus sentimentos, Aos restos estranhos, acalento.
Contudo o amor revigora, Mesmo no atrapalho da hora, Volta sempre sem demora.
O amor é sem fim, É eterno em mim, Consciente estou, Quando estou com amor.
Hairon H. de Freitas 15/7/2019