sábado, 10 de março de 2018

APRESENTAÇÃO DA ALACAF - ACADEMIA DE LETRAS E ARTES DE CABO FRIO NA SEMANA TEIXEIRA E SOUSA

Academia de Letras e Artes de Cabo Frio será inaugurada na Semana Teixeira e Sousa
Instituição fará um resgate da história e da cultura cabo-frienses

A 28º Semana Teixeira e Sousa já tem data: será realizada entre os dias 21 e 28 de março. E essa edição promete ser especial pois vai contar com inauguração da Academia de Letras e Artes de Cabo Frio (Alacaf), que teve seu nome remodelado visando uma reestruturação.

A decisão de criar a entidade foi tomada com o intuito de resgatar a história e aumentar a representatividade da literatura e das artes em geral em Cabo Frio, que é uma cidade histórica, celeiro de poetas e artistas como Teixeira e Sousa, o primeiro romancista brasileiro. E nada melhor do que aproveitar a semana de homenagem ao poeta para inaugurar uma academia de letras.

E esse resgate da história vem acompanhado de uma remodelagem da Academia, que aconteceu com a ciência e aprovação de alguns membros da Academia de Letras original. Mas o processo de “atualização” não se esqueceu das raízes: o presidente de honra da Alacaf é Célio Mendes Guimarães, membro fundador da antiga Academia.

Essa nova fase da Academia é uma iniciativa das professoras e escritoras Jaqueline Brum e Andréa Rezende. Elas são fundadoras do grupo Flores Literárias, de difusão cultural com ênfase na literatura. Por contas das movimentações culturais promovidas pelo grupo, como a realização de saraus mensais e dois festivais de inverno literários, surgiu o convite da Literarte (Associação Internacional de Escritores e Artistas) com a proposta de fundação de uma nova academia.

Para Jaqueline, esse é um momento de grande importância para a cultura cabo-friense: “É um momento de destaque principalmente para a literatura, esta arte tão importante que registra e guarda a memória da cidade, de todo um povo. É também um grande desafio, mas que por amor à cultura estamos enfrentando com o apoio e incentivo de muita gente talentosa. Vamos plantar essa semente que promete gerar muitos frutos para as futuras gerações, deixando um legado aos cabo-frienses”, conta ela.

A nova Academia vai seguir todos os requisitos básicos com os procedimentos normais de gestão, como estatuto e eleição de 4 em 4 anos. O objetivo é que seja uma instituição da cidade, da sociedade, e não de um grupo de pessoas, e também para que a Alacaf seja duradoura, com legado de união de artistas e escritores com o propósito de promoção da arte e da cultura locais.

Para o secretário de Cultura de Cabo Frio, Ricardo Machado, a inauguração da nova Academia é de suma importância para disseminar a literatura na cidade: “Essa é uma iniciativa civil mas que conta com o apoio da Secretaria porque é uma ação cultural que visa expandir a literatura. Qualquer atividade desse tipo terá nosso apoio. E a realização do evento dentro da Semana Teixeira e Sousa só reforça esse sentimento”, conta o secretário.

A posse oficial da Alacaf será no dia 6 de abril, no castelo de Itaipava, em Petrópolis, em um evento da Literarte, que receberá o núcleo literário de Buenos Aires pela primeira vez no Brasil. A diretoria da nova Academia foi convidada, junto a outras ilustres academias, para que fosse feita a posse aos membros fundadores.

Na Semana Teixeira e Sousa, a Academia também será apresentada à sociedade cabo-friense, e em novembro, junto ao aniversário da cidade, será realizado um evento oficial de posse e recepção de novos membros.

Coordenadoria de Comunicação
Prefeitura de Cabo Frio

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...