DIVAGANDO

 
E no meio de tantas incertezas, de tantas pérolas deixadas no meio do caminho, às vezes sem nem mesmo nos darmos conta, de tanta dor semeada por meio de palavras não ditas, que saibamos trabalhar em nós o turbilhão de emoções, a mistura do sentir que insiste em provocar a razão. Que possamos abrigar nosso desejo ferido à sombra das razões do Criador, e seguir o caminho que nos resta cientes de termos feito o melhor, de havermos tentado até onde Deus nos permitiu. Caminhar sabendo que cada um tem seu próprio tempo para o despertar, e que a nós só cabe deixar que sintam, com seus próprios pés, as pedras e poeiras do caminho.

Luciana G. Rugani

sexta-feira, 12 de fevereiro de 2016

REFLEXÃO SOBRE OS ÚLTIMOS ACONTECIMENTOS

Muitas vezes só resta ao cidadão ver a chuva cair e aguardar que passe o temporal...

A crise terrível que se abateu na economia do governo em Cabo Frio, devido à queda abrupta dos royalties, transformou em tormenta o dia a dia de algumas pessoas. Observamos um governo que, juntamente com sua equipe, tenta guiar o barco de acordo com sua carta de navegação; observamos alguns servidores que, enquanto passageiros deste barco, encontram-se em desacordo com a rota escolhida; observamos também cidadãos diversos em terra firme, cada qual com seu parecer e sua ideia redentora, conforme o ângulo de visão que possuem do barco sob forte tempestade.

E enquanto isso temos uma cidade linda que, basta um olhar mais profundo e atento, e vislumbraremos o quanto de potencial e recursos positivos ela nos oferece. E essa cidade sofre, o governo sofre, seus servidores sofrem.

É lamentável que nesse período crítico ao extremo, em que deveria haver uma conjunção de ideias em benefício do todo, o que percebemos é um clima de guerra, de busca de satisfação de benefícios políticos pessoais acima da resolução dos problemas.

Questões que deveriam ser tratadas mediante diálogo franco, com clareza, convergência de vontades visando a busca de solução, são tratadas no grito, na ofensa mútua, em discussões improfícuas que só fazem acirrar o clima raivoso, tornando praticamente impossível um acordo mútuo.

O que criamos ao nosso redor é o que faz o nosso ambiente, portanto se fomentamos ódio e ira, este será o ambiente que criaremos para nós. Não adianta depois pedirmos a Deus que nos livre de algo que nós mesmos escolhemos semear. Enquanto a estratégia for simplesmente de bate-rebate, não haverá avanço e as coisas só se agravarão. E toda essa agressividade nunca, em tempo e lugar algum, rendeu bons frutos. Os resultados nunca foram positivos quando a única estratégia foi reforçar a discórdia.

Lamentável que as atitudes corretas a serem tomadas tenham sido trocadas pelas ofensas e palavras de baixo nível.

Quando chega a esse ponto, ao cidadão de bem só resta esperar que passe a tormenta... pois de vozes o espaço está cheio, e os ouvidos irados fecham-se às palavras de alerta e de bom senso.

Então que passe logo a tormenta, e que a misericórdia divina mais uma vez nos permita que chegue a bonança...

 
Luciana G. Rugani

quinta-feira, 4 de fevereiro de 2016

SALINEIRA REALIZA SEGUNDA EDIÇÃO DA CAMPANHA "TENHA SAMBA NO PÉ E JUÍZO NA CABEÇA"

A Auto Viação Salineira vai realizar, entre os dias 6 e 9 de fevereiro, a segunda edição da campanha Tenha Samba no Pé e Juízo na Cabeça, que contará com três ações de responsabilidade socioambiental nas praias de Cabo Frio e Arraial do Cabo, além do Centro de Araruama. 

Sucesso há dois anos, o projeto Lixo em Movimento – Operação Praia Limpa já distribuiu mais de 120 mil sacolas oxi-biodegradáveis. E no Carnaval, a campanha retorna às praias da região. Uma equipe contratada pela empresa distribuirá 12 mil sacolinhas para os banhistas, que poderão acessar, através do smartphone, o código impresso e obter informações sobre o Convento Nossa Senhora dos Anjos, um dos mais importantes patrimônios históricos de Cabo Frio e do Brasil, tombado pelo Iphan. 

Serão distribuídas, também, ventarolas para os foliões que estiverem curtindo o Carnaval na região. Com o título Seja um Agente contra o Mosquito, as ventarolas terão informações para ajudar a reduzir os casos de Dengue, Chikungunya e Zika. 

E para finalizar, a empresa vai distribuir pulseiras de identificação na praia; uma tentativa de diminuir os casos de crianças perdidas dos pais durante o período de folia. 

Seja consciente. No Carnaval, tenha samba no pé e juízo na cabeça! 

Programação:

6/2 – (8 às 12 horas) – Praia do Forte (Cabo Frio)
7/2 – 8 às 12 horas) – Praia do Forte (Cabo Frio) e Centro de Araruama
8/2 – (8 às 12 horas) – Praia do Forte (Cabo Frio) e Praia Grande (Arraial do Cabo)
9/2 – (8 às 12 horas) – Praia do Forte (Cabo Frio)

Texto e fotos: Diário Cabofriense


NAVIO MSC ARMONIA VOLTA A CABO FRIO

O MSC Armonia aportou às 09h no terminal de transatlânticos, trazendo mais de dois mil turistas à cidade


Nesta quarta-feira (03/02), Cabo Frio recebeu mais um navio da temporada 2015/2016. O MSC Armonia aportou às 09h no terminal de transatlânticos, trazendo mais de dois mil turistas à cidade.

Alessandra Krein veio do Rio Grande do Sul e desembarcou em Cabo Frio nesta quarta com grandes expectativas: "Já estive em Búzios, mas Cabo Frio é a primeira vez. Espero conhecer principalmente a área central da cidade, fazendo um tour pela Praia do Forte e alguns pontos turísticos. Aproveitar o dia nessa cidade tão bonita".

O MSC Armonia saiu de Santos, com destino a Ilhabela, também no litoral de São Paulo.

A paulista Carla Castanhari diz que gostou muito de Cabo Frio e pretende voltar para conhecer outros locais da cidade: "Gostei muito, superou minhas expectativas. Voltarei com mais tempo para conhecer as belezas naturais daqui".

O próximo transatlântico da temporada, o Pullmantur Imperatriz, chega na sexta-feira da próxima semana (12/02) de Salvador, na Bahia, e segue com destino a Santos, em São Paulo.

Texto: Assessoria de Imprensa da Secretaria Municipal de Turismo
Fotos: Divulgação SECTUR e Ari dos Santos
 
 

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

PRAIAS DE CABO FRIO RECEBEM PLACAS EDUCATIVAS COM BOBINAS DE SACOLAS PLÁSTICAS


A iniciativa da Secretaria de Meio Ambiente busca incentivar a mudança de hábitos em relação à limpeza das praias e à importância de conservar a natureza

A Prefeitura de Cabo Frio desenvolveu uma ação de educação ambiental nas praias da cidade, com a colocação de placas educativas com bobinas de sacolas plásticas. A ação está sendo aplicada em uma parceria da Secretaria de Meio Ambiente (SEMA) e da Prolagos, concessionária de serviços públicos de água e esgoto.

O objetivo da ação é minimizar a quantidade do microlixo deixado pelos banhistas na areia das praias, e assim, orientar moradores e visitantes a manter as praias limpas, principalmente durante a temporada do verão.

A iniciativa busca incentivar a mudança de hábitos de moradores e turistas, em relação à limpeza das praias e à importância de conservar a natureza. A Secretaria de Meio Ambiente está, também, formando parcerias com donos de quiosques, que se responsabilizaram pelo cuidado com as placas implantadas.

As placas educativas com bobinas de sacolas plásticas já foram implantadas na Praia do Peró e na Ilha do Japonês. Durante esta semana, as praias do Forte e das Conchas também receberão a ação.

Texto: Marianne Rodrigues
Fotos: Divulgação SEMA


CABO FRIO EM 400 CORES" TRANSFORMA AS RUAS DE CABO FRIO

I Encontro Nacional de Graffiti reuniu 65 artistas, com 900 metros de muros pintados 

Neste final de semana, cerca de 900 metros de extensão dos muros do Complexo Esportivo Aracy Machado, foram transformados em uma galeria a céu aberto. O projeto “Cabo Frio em 400 Cores”, desenvolvido no I Encontro Nacional de Graffiti, reuniu 65 artistas e teve os bairros do Itajurú e Ville Blanche como espaço para a arte das ruas.

O evento foi realizado com o apoio da Prefeitura de Cabo Frio, por meio do Programa de Editais de Fomento e Difusão Cultural (Proedi). O encontro teve como objetivo valorizar o grafite como manifestação artística, além de promover e fomentar a produção cultural na cidade.

No encontro, cada artista participante recebeu um kit de grafite composto por sprays de tinta, camiseta, boné e caneta posca. A programação teve ainda estandes das empresas parceiras, banheiro químico, sorteios de brindes e apresentações artísticas de MC, DJ e muito hip-hop. O evento contou com a presença de grafiteiros de Estados como Rio de Janeiro - interior e capital - Pará, Bahia, São Paulo, Distrito Federal e Minas Gerais.

Os trabalhos e cores vibrantes nos muros atraíram olhares de quem passou pelas ruas Samuel Agenor Angenitsky e José Gomes da Silva, nos arredores do Complexo Esportivo Aracy Machado.

Além das intervenções nos muros do ginásio, a programação do evento conta ainda com a exposição “Cabo Frio Em 400 Cores/Art Indoor", que estará aberta até o dia 29 de fevereiro no Centro de Artes Visuais (CAV), na Praia do Forte. O 

espaço está abrigando esculturas e telas de vários grafiteiros com o intuito de chamar a atenção para a arte de rua como objeto de decoração de interiores. O CAV funciona às quartas e quintas, das 16h às 20h, e aos sábados, domingos e feriados, das 17h às 22h.

Texto: da Redação
Fotos: Divulgação 
 

PREFEITURA PRORROGA PRAZO PARA PAGAMENTO DO IPTU EM COTA ÚNICA COM DESCONTO

Contribuintes terão até o dia 19 de fevereiro para pagar o IPTU integralmente com 10% de desconto


A Secretaria Municipal de Fazenda de Cabo Frio informa que o prazo para pagamento da cota única do IPTU 2016 com desconto de 10% foi prorrogado para o dia 19 de fevereiro de 2016.

Os contribuintes poderão realizar o pagamento em qualquer instituição bancária até a data de vencimento. No entanto, será necessária a emissão de um novo boleto para atualização das guias. 

Para emitir as novas guias acesse o link do IPTU Online (http://186.232.160.26:8885) ou compareça à Secretaria Municipal de Fazenda, localizada na Rua Major Belegard, 395, Centro, Cabo Frio. O atendimento presencial na sede da SECFAZ é feito de segunda à sexta, das 8h30 às 17h.

Texto: Anderson Lopes
Arte: Divulgação | Secretaria Municipal de Fazenda

segunda-feira, 1 de fevereiro de 2016

CABOFRIENSE E AMERICA EMPATAM PELO ESTADUAL DA SÉRIE A

Em jogo com poucas emoções, Tricolor Praiano perde boas oportunidades no segundo tempo. Placar permaneceu inalterado na estreia das duas equipes na competição

Cabofriense e América ficaram no 0 a 0 na primeira partida de ambas as equipes no Campeonato Estadual de Futebol, em sua série A. A partida foi disputada na noite de sábado (30/1), no Estádio Municipal Correão. 

A partida foi disputada em um ritmo lento, com poucas chances de gol de parte a parte. Tomando mais a iniciativa por jogar em casa, a Cabofriense criou as melhores chances, principalmente no segundo tempo, quando o treinador Eduardo Húngaro promoveu mudanças na forma de jogar da equipe, desfazendo o esquema com três zagueiros e colocando mais um atacante. Apesar da mudança, o Tricolor Praiano não conseguiu traduzir a maior posse de bola em gols.

Ao final da partida, o técnico da Cabofriense fez sua análise sobre a atuação da equipe.

- Para mim, é mais importante a forma de jogar que o sistema. O sistema que colocamos em campo permitia a saída de sete jogadores para o campo do adversário. Nos treinos, ficou muito claro que a gente era mais ofensivo com três zagueiros do que com uma linha de quatro. O que aconteceu hoje é que a gente abriu mão de sair jogando no tiro de meta. Todas as vezes que nossa última linha procurou jogar, nosso meio de campo ficou mais móvel, com mais opção de passe. E, com isso, conseguimos construir jogadas um pouco mais à frente do campo. Quando você consegue subir terreno, entrar na intermediária do adversário, você está a um passo de começar a criar jogadas de gol. A diferença do primeiro para o segundo tempo foi a nossa saída de bola, seja por tiro de meta seja por jogo jogado - explicou Húngaro, em entrevista após o jogo.

A Cabofriense volta a jogar pelo Estadual nesta quarta-feira (3/2), quando enfrenta o Madureira, no estádio Aniceto Moscoso, no subúrbio carioca, às 17h.

Texto: Anderson Lopes
Fotos: Andreia Maciel | Assessoria de Imprensa da AD Cabofriense

 

DEFESA CIVIL DE CABO FRIO INTERDITA FÁBRICA DE GELO

Órgãos municipais vistoriam e fecham fábrica ao lado do Mercado de Peixe

Com inúmeras irregularidades constatadas por técnicos da Defesa Civil, Secretaria de Meio Ambiente (SEMA) e Instituto Estadual do Ambiente (INEA), os agentes interditaram a Fábrica de Gelo, que funcionava ao lado do Mercado de Peixe em Cabo Frio.

A ação dos agentes, nesta segunda-feira (01/02), constatou o vazamento de gás de amônia, além da falta de sistema de prevenção a incêndio. A equipe também registrou o forte cheiro de amônia nas redondezas provocadas pelo vazamento.

Texto: Da Redação
Fotos: Divulgação SEMA

 


 

TURISTAS TÊM OPÇÕES ALÉM DA FOLIA EM CABO FRIO

Cabo Frio oferece várias alternativas de lazer para quem vier passar o carnaval 

Com grande potencial turístico, Cabo Frio conta com confortáveis hotéis, pousadas, restaurantes e bares. Uma cidade que cresce a cada dia com qualidade de vida, organização, limpeza nas ruas, aliadas à beleza de suas praias e natureza privilegiada.
Cabo Frio tem atrativos dia e noite. Programas deliciosos feitos durante o dia, sob a luz do sol, como surfar, mergulhar, passear de barco. Para quem vier aproveitar o período de carnaval na cidade, há várias opções de diversão além da folia.

Famosa por suas praias oceânicas e suas dunas de areia muito branca. O cartão postal da cidade é o Forte de São Matheus, construído em 1620 pelos portugueses e que fica localizado na praia mais famosa do município.

A praia do Forte é a mais movimentada, tomada por turistas e jovens. Já as praias das Dunas, do Foguete e do Peró têm boas ondas e surfistas. Já na Praia de Unamar, segundo distrito de Cabo Frio, tem a força de sua correnteza. A turma do naturismo se encontra na Brava, enquanto as famílias dividem espaço na praia das Conchas, além do famoso pôr do sol na Praia do Siqueira, que encanta a todos que por ali passam.

O Shopping Gamboa, conhecido também como Rua dos Biquínis, faz de Cabo Frio um dos mais importantes pólos de moda praia do país. No terminal de transatlânticos, moradores e visitantes encontram artesanatos feitos pelos artesãos da cidade. A Casa Artesanal tem um stand de venda montado no local para divulgar o trabalho feito pelos artesãos locais.

Aproveitar o fim da tarde para conferir os quiosques no calçadão da Praia do Forte, passear na Praça das Águas e o Centro de Artes Visuais (CAV) são ótimas pedidas para quem visita a cidade durante o carnaval.

Os tons de azul e verde da água do mar, o céu dourado no pôr do sol e as areias claras são as marcas registradas de Cabo Frio. Além de conferir os encantos das praias que a cidade oferece as pessoas ainda têm a oportunidade de conhecer as histórias que existe por trás de cada uma delas.

Texto: Marianne Rodrigues
Fotos: Walkíria Souza

 


CABO FRIO SE PREPARA PARA RECEBER ÔNIBUS DE TURISMO DURANTE O CARNAVAL

A previsão da COSERP é de que 220 ônibus de turismo cheguem à cidade


Faltando apenas uma semana para Carnaval, a Prefeitura de Cabo Frio já preprara toda a logística para a chegada dos ônibus turísticos na cidade. A folia atrai milhares de pessoas, de várias partes do país, para o município.

O Terminal Municipal de Ônibus de Turismo, que fica na Estrada dos Passageiros, no Jacaré, acomoda até 130 ônibus. Em feriados como o Carnaval, quando o fluxo de turistas é maior que a média, é utilizado o estacionamento que fica na Praia do Siqueira, nas proximidades do supermecado Assaí, que comporta 260 de veículos. O terminal está disponível para o turista 24h por dia, todos os dias do ano.

De acordo com os dados da Coordenadoria Geral de Operação do Sistema de Estacionamento Rotativo Pago (COSERP), no período do Carnaval, são esperados cerca de 220 ônibus de turismo.

Em Cabo Frio, não é permitido o estacionamento de ônibus, micro-ônibus e similares fora do Terminal, já que estes veículos são proibidos de estacionar nas vias públicas. As condições para a chegada dos veículos de transportes à cidade foram definidas pelo Decreto 5.032, de 2013, que está disponível para consulta no portal da Prefeitura, no link http://www.cabofrio.rj.gov.br/turismo/recepcao-de-transportes.

A fiscalização realizada pela equipe da COSERP é feita por veículos e motos identificados com fiscais, das 7h as 22h, havendo plantões na madrugada em finais de semana e feriados prolongados.

Todos os pagamentos para a utilização do Terminal Municipal de Ônibus de Turismo são presenciais, sendo fornecido recibo próprio da Prefeitura, que é afixado no vidro da frente de todos os ônibus.

As tarifas cobradas no Terminal Municipal variam de acordo com o tipo de excursão. A excursão social – aquela que não possui reserva prévia de estadia – tem taxa de entrada de R$ 1 mil para ônibus e de R$ 600 para micro-ônibus, vans e similares. Há a cobrança também para excursões de ônibus, micro-ônibus, vans e similares com reservas em hotéis, pousadas ou casas de aluguel.

As excursões de ônibus com reservas em casas de aluguel pagam R$ 200 de taxa de entrada, mais diárias de R$ 50. Para micro-ônibus, vans e similares, a taxa de entrada é de R$ 100. A diferença é nos valores das diárias: R$ 10, para hospedagem em hotéis e pousadas com reserva; e R$ 20, para hospedagem em casas de aluguel.

Texto: Marianne Rodrigues
Foto: Divulgação

domingo, 31 de janeiro de 2016

FRASE DO DIA


"Os homens têm menos escrúpulos em ofender quem se faz amar do que quem se faz temer, pois o amor é mantido por vínculos de gratidão que se rompem quando deixam de ser necessários, já que os homens são egoístas; mas o temor é mantido pelo medo do castigo, que nunca falha."

Maquiavel

sexta-feira, 29 de janeiro de 2016

FRASE PARA REFLEXÃO



Sou do tipo que apoio, dou a mão, impulsiono, ajudo de coração e trilho junto o caminho pedregoso. Mas, caso receba de volta, sem motivo nenhum, silêncio e indiferença, então aí me desligo e não compactuo do jogo covarde em que prevalece a utilidade do ser. 
Que o ser prossiga sozinho em seu egoísmo e covardia, posto que respeito e consideração são requisitos  mínimos de qualquer relação pessoal. 

Luciana G. Rugani

DIVAGANDO


 Divagando...
E no meio de tantas incertezas, de tantas pérolas deixadas no meio do caminho, às vezes sem nem mesmo nos darmos conta, de tanta dor semeada por meio de palavras não ditas, que saibamos trabalhar em nós o turbilhão de emoções, a mistura do sentir que insiste em provocar a razão. Que possamos abrigar nosso desejo ferido à sombra das razões do Criador, e seguir o caminho que nos resta cientes de termos feito o melhor, de havermos tentado até onde Deus nos permitiu. Caminhar sabendo que cada um tem seu próprio tempo para o despertar, e que a nós só cabe deixar que sintam, com seus próprios pés, as pedras e poeiras do caminho.

Luciana G. Rugani

CABO FRIO É PONTO DE PESQUISA SOBRE PEIXES-DE-BICO


Cidade apoia projetos de incentivo à produção e conhecimento sobre espécies de peixes

Cabo Frio sediou, entre 16 e 23 de janeiro, um dos maiores campeonatos de pesca esportiva oceânica do Brasil, o 23º Cabo Frio Marlin Invitational. Estudantes e pesquisadores participaram do evento para registrar os dados sobre os chamados peixes-de-bico, como Marlim-azul, Marlim-branco, Marlim-polegar, Sailfish, Spearfish e Swordfish, espécies que podem ser encontradas no Oceano Atlântico.

Desde 2006 o Grupo de Estudos da Pesca da Universidade Veiga de Almeida (GEPesca/Uva), atua em conjunto com outras instituições científicas para desenvolver projetos de incentivo à produção e conhecimento sobre espécies de peixes.

Para os estudos, ovos fecundados e larvas dos peixes são recolhidos e acondicionados, depois é feita uma triagem e após a catalogação, o material é analisado em um laboratório nos Estados Unidos onde é feita a identificação do DNA.

A partir de outubro os pesquisadores vão intensificar o uso das marcas eletrônicas que capta informações por meio de sinal de satélite facilitando o acompanhamento e possíveis novas rotas e hábitos dos peixes. Além disso, ações externas e de conscientização são realizadas com frequência, para evitar a captura de alguns peixes como o Marlim-azul e o Marlim-branco, espécies em declínio que tiveram a comercialização proibida a partir de 2005.

Texto: Flávia Lira
Fotos: Divulgação

sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

CASA ARTESANAL: NOVO POINT DO ARTESANATO DE CABO FRIO

Nesta semana houve um intenso debate no facebook envolvendo a questão do artesanato de Cabo Frio. O centro da discussão girou em torno da ideia que alguns turistas possam ter de que os produtos à venda nos quiosques da Praça da Cidadania sejam os representativos do artesanato da cidade.

Quero deixar aqui minha opinião sobre o assunto e também aproveitar para divulgar mais uma vez a ação pioneira do governo Alair junto ao artesanato da cidade.

Em outubro de 2013, o prefeito Alair Corrêa inaugurou a Casa Artesanal. No ano seguinte, quando de nossa visita ao local, postei neste blog um texto a respeito (clique aqui para reler). No início, a "Casa" funcionava em uma pousada alugada. Hoje funciona no Shopping Ipanema Mall, no centro da cidade.

Trata-se de um projeto que reúne hoje 27 artesãos locais que trabalham com as mais diversas técnicas artesanais e expõem seus produtos confeccionados com materiais recicláveis, além de outros materiais próprios para artesãos.

Na Casa Artesanal, tanto os turistas quanto a população da cidade podem conhecer o melhor do artesanato cabofriense e contribuir para a valorização e reconhecimento do artesão local. Atualmente, a "Casa" possui também um stand no terminal dos transatlânticos, o que possibilita aos turistas que desembarcam dos navios uma recepção mais acolhedora, como se a cidade, em posição de gentil anfitriã, os convidasse para entrar de forma agradável e receptiva, mostrando um pouco de si através da produção artesanal e do contato com seus artesãos.

Como eu disse no meu texto anterior, todos sabemos da importância do artesanato como fonte geradora de renda, ainda mais agora neste tempo de crise. E além disso, sabemos que é um dos elementos propulsores do turismo, haja vista exemplos como o Shopping do Artesanato Potiguar, em Natal - RN, e o Mercado Central de Fortaleza - CE, ambos famosos pontos turísticos das respectivas cidades. Tive o prazer de conhecê-los e ver de perto o peso que o artesanato possui naquelas cidades, tanto como sobrevivência para muitas famílias como para o turismo local.

Foi conhecendo essa realidade e sabendo o quanto o artesanato pode ajudar também em nossa cidade, tanto como oportunidade de trabalho como atrativo para o turismo, que o prefeito Alair resolveu implantar o projeto da Casa Artesanal.

Já a feirinha da Praça da Cidadania é antiga. Iniciou-se há muitos anos em governo anterior do prefeito Alair, quando ainda não havia sido construída a praça e os boxes, era a chamada "feirinha do Malibu". Mas nos anos posteriores ela cresceu, mudou sua "cara". Com o tempo, diminuiu muito o número de boxes com artesanato propriamente dito, quase acabou, e aumentou o número de produtos industrializados e de alimentação. Então o que percebo é que ela ficou como um ponto de referência próximo à praia, onde o turista aproveita a noite para aquela caminhada leve com a família e amigos, onde come alguma coisa e olha um ou outro produto, mas ela não tem mais a "cara" de uma feira de artesanato. Ali é pouco para que o turista tenha uma visão do que seja realmente o artesanato local, e turista geralmente busca como souvenir algo que o remeta à cidade, ou à sua história e seus pontos turísticos.

Vejo que o governo do prefeito Alair Corrêa mais uma vez inovou e abraçou uma excelente ideia ao lançar o projeto da Casa Artesanal, possibilitando oportunidade de trabalho para os cabofrienses que vivem do artesanato e o mesmo tempo abrindo espaço para venda de produtos que expressem o dia a dia cabofriense, a vida e a cultura da cidade, onde os turistas possam realmente encontrar o que procuram em termos de souvenirs. É um projeto que abrange a divulgação de nossa cidade através dos produtos artesanais, que colabora na "conquista" do turista e ainda atua na geração de renda ao abrir oportunidade de trabalho.

Vale a pena conhecer!

 












SEMA DÁ INÍCIO AO PROJETO "BANDEIRA AZUL" NA PRAIA DO PONTAL NO PERÓ

Este projeto sempre esteve no plano de governo do prefeito, e não era à toa que eu sempre dizia que se algum prefeito tivesse que trazer melhorias para o local e até mesmo implantar este projeto esse prefeito só poderia ser Alair Corrêa. Clique aqui para relembrar inclusão do tema no plano de governo.

E eu não dizia isso somente por ser uma apoiadora do seu mandato, mas sim por constatação própria de seu perfil realizador e empreendedor que conheço há mais de 20 anos. Todas as ideias mais inovadoras que surgiram na cidade e que hoje constituem projetos e obras edificadas, quando lançadas eram até criticadas por alguns, mas lá na frente provaram ser eficazes. Isso é visão de futuro que o prefeito Alair sempre teve, característica de sua personalidade. O trabalho que Jailton Dias vem realizando como Secretário do Meio Ambiente é excelente, e digno de sua competência, e o prefeito Alair mostrou valorizar a capacidade quando resolveu mantê-lo no cargo agora na última reforma.

Por isso que eu dizia e digo, e a prova está aí: não se obteve tantas conquistas para a região como se está obtendo agora no governo Alair Corrêa. Mesmo com todas as dificuldades (que não são poucas) e com a grave crise econômica, ele vem buscando realizar, dentro das possibilidades, e segue trabalhando intensivamente. Isso é fato que merece ser reconhecido. 

Eu não poderia deixar de dizer isso, pois a região do Pontal do Peró sempre solicitou atenção e agora, neste mandato tão difícil e conturbado, está recebendo não só atenção, como também o passo inicial de um projeto de excelência. 

Luciana G. Rugani



A "Bandeira Azul" é um sistema de gestão que atribui um selo internacional de qualidade ambiental para marinas e praias urbanas

Pensando na coletividade, a Prefeitura de Cabo Frio iniciou a implantação do projeto "Bandeira Azul" na Praia do Pontal no Peró. A "Bandeira Azul" é um sistema de gestão que atribui um selo internacional de qualidade ambiental para marinas e praias urbanas e que tem o objetivo de aprimorar e preservar praias e marinas em todo o mundo.

Em Cabo Frio, o programa será coordenado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SEMA). O programa pretende elevar o grau de conscientização dos cidadãos e dos tomadores de decisões para a necessidade de proteger os ambientes costeiros e incentivar ações que conduzam à resolução dos problemas existentes.

Para obter o selo azul é necessário atender uma serie de pré-requisitos. O principal deles é a qualidade da água do mar, que precisa ser avaliada periodicamente pelo órgão ambiental — no caso do Estado do Rio, o Instituto Estadual do Ambiente (Inea).

As praias devem ter banheiros públicos (mesmo que o uso seja cobrado), acesso para pessoas com deficiência, salva-vidas e ordenamento para que nenhum obstáculo impeça o acesso de veículos de socorro urgente, como Corpo de Bombeiros e ambulâncias.

Texto: Marianne Rodrigues
Fotos: Divulgação


 

PREFEITURA DE CABO FRIO ASSINA CONTRATO COM ÓRGÃOS DE PROTEÇÃO AO CRÉDITO

Toda medida no sentido de combater a inadimplência é essencial para melhorar a arrecadação e deve ser rotina da administração pública, além de representar algo justo para com os contribuintes que pagam seus tributos em dia.
Luciana G. Rugani

Os objetivos do acordo são combater a inadimplência nos pagamentos dos impostos municipais e recuperar dos créditos inscritos na Dívida Ativa do município


Em uma iniciativa da Secretaria Municipal de Fazenda, a Prefeitura de Cabo Frio assinou contrato com dois órgãos de proteção ao crédito, o CDL Rio e o SERASA, para atualização cadastral dos contribuintes inscritos na Dívida Ativa do Município e inclusão dos contribuintes inadimplentes no Serviço de Proteção ao Crédito – SPC.

A iniciativa tem por objetivo combater a inadimplência nos pagamentos dos impostos municipais (IPTU, ISS e Taxas) e a recuperação dos créditos devidamente inscritos na Dívida Ativa do município.

A Secretaria Municipal de Fazenda informa que a partir do mês de fevereiro de 2016, os contribuintes que não regularizaram seus impostos perante a Fazenda pública municipal poderão receber a notificação para quitação dos débitos em atraso, sob pena de inclusão do nome (pessoa física e jurídica) no Cadastra Nacional de Serviço de Proteção ao Crédito – SPC da CDL Rio, o que poderá acarretar ao contribuinte problemas para compras a prazo em toda rede de comercial, nos financiamentos e empréstimos com a rede bancária, entre outras formas de financiamento de bens e serviços das redes credenciadas ao sistema SPC.

A Secretaria de Fazenda informa ainda, que foi prorrogada para o dia 30/01/2016 a data limite para regularização de débitos inscritos na dívida ativa (IPTU, ISS, Taxas), com a possibilidade de isenção de até 100% dos juros e multas.
 
Texto: da Redação
Secretaria Municipal de Comunicação Social de Cabo Frio

quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

PREFEITO ALAIR CORRÊA REDUZ DE 36 PARA NOVE SECRETARIAS A ESTRUTURA DA PREFEITURA DE CABO FRIO

Novas medidas anunciadas pelo prefeito vão reduzir cerca de R$ 700 mil mensais na folha de pagamento


O prefeito Alair Corrêa anunciou no final da tarde desta quarta-feira (13/1), mudanças administrativas que reduzem o organograma da Prefeitura de Cabo Frio de 36 para apenas nove secretarias. No gabinete, o prefeito Alair apresentou os novos secretários que vão acumular funções e antigas secretarias. Entre as novidades, o prefeito anunciou o nome de Sergio Santa Roza como secretário de Administração que terá também a coordenação dos setores de Turismo, Comunicação Social, Eventos e Habitação.

– Temos agora uma nova equipe motivada neste momento especial, em que a cidade precisa de união e esforços de todos, além de economizarmos cerca de R$ 700 mil mensais com a folha de pagamento, extinguindo secretarias, coordenadorias e superintendências – disse o prefeito Alair Corrêa, enquanto posava ao lado da nova equipe de secretários.

O vereador Paulo Henrique Corrêa aceitou o convite do prefeito e vai comandar a secretaria de Obras e os setores de Transportes, Planejamento, Regularização Fundiária e Agricultura.

– É um desafio muito grande, mas minha equipe está motivada, porque lá todos amam nossa cidade e vamos trabalhar 24 horas por dia – garantiu Paulo Henrique.

O advogado Juliano Almeida foi nomeado secretário de Administração, acumulando setores de Estatística, Procon e Ouvidoria da Prefeitura.

O biólogo Jailton Dias Nogueira Júnior continua na secretaria de Meio Ambiente agregando os setores de Serviços Públicos e Ordem Pública.

Na Secretaria de Assistência Social o prefeito anúncio Ana Ecilda Giordano de Souza, que agrega as extintas secretarias da Melhor Idade, Drogas e Criança e Adolescente.

O advogado Alfredo Gonçalves permanece no comando da Secretaria de Esporte e Lazer, mas vai comandar também os setores de Cultura e Ciência e Tecnologia.

O ortopedista Carlos Ernesto Dornellas continua à frente da secretaria de Saúde, e na secretaria de Fazenda também continua Axiles Corrêa, assim como a secretária Juciara Noronha Dimas permanece na Educação.


Confira a relação dos novos secretários de Cabo Frio.

Alfredo Gonçalves – Secretaria de Esporte e Lazer (abrangendo também Cultura e Ciência e Tecnologia)

Ana Ecilda Giordano de Souza – Secretaria de Assistência Social (incluindo Melhor Idade, Prevenção e Combate ao Uso de Drogas e Criança e Adolescente)

Axiles Corrêa – Secretaria de Fazenda (incluindo Desenvolvimento da Cidade)

Carlos Ernesto Dornellas – Secretaria de Saúde

Jailton Dias Nogueira Júnior – Secretaria de Meio Ambiente (abrangendo também Serviços Públicos e Ordem Pública)

Juciara Noronha – Secretaria de Educação

Juliano Almeida – Secretaria de Administração (englobando também Estatística, Procon e Ouvidoria)

Paulo Henrique Corrêa – Secretaria de Obras (abrangendo também Transportes, Planejamento, Regularização Fundiária e Agricultura)

Sérgio Santa Roza – Secretaria de Governo (englobando também Turismo, Comunicação Social, Eventos e Habitação)

Texto: da Redação
Fotos: Horácio CF Zone




sábado, 9 de janeiro de 2016

DECISÃO TOMADA HOJE PELO PREFEITO ALAIR CORRÊA


CRISE AVASSALADORA ME FEZ NESSA MANHA DE SÁBADO, TOMAR MAIS UMA DURA E DIFÍCIL DECISÃO! Após haver mexido na folha de pagamento, diminuir número de portarias, reduzir os gastos com limpeza, congelar dívidas, após tudo isso me vi obrigado a fazer mais um grande sacrifício, o de com tristeza TIRAR (100%), OU TODOS MEUS SECRETÁRIOS, COORDENADORES E ALGUNS AUXILIARES DO TERCEIRO ESCALÃO. Foi muito difícil pra mim por tratar-se de companheiros de campanha, amigos,bons técnicos e homens de bem, mas com a arrecadação do município em baixa e com a falta de dinheiro o jeito é ter que cortar o máximo em nossos gastos. 28 deles pediram a exoneração e os que deixaram de entregar o pedido de renúncia, na mesma reunião os exoneramos, TODOS FICARAM FORA DO GOVERNO. Terça feira apresentarei alguns nomes convidados por mim para ajudarem a partir de agora a administrar a cidade. Na conversa que tive com todos agradeci pela grandeza dos mesmos renunciando,para permitir mais economia com a folha de pessoal. Lamentei ainda por não ter conseguido mante-los no governo.

Alair Corrêa
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...