quinta-feira, 17 de abril de 2014

CABO FRIO NO MUNDO FILATÉLICO EM SEUS 400 ANOS

Uma excelente ideia do amigo historiador Elísio Gomes Filho para homenagear a cidade de Cabo Frio por seus 400 anos, que serão comemorados em 13 de novembro de 2015: o lançamento de um selo comemorativo.

O pedido foi feito hoje ao Diretor Presidente dos Correios. Estamos torcendo para que seja acatado pela empresa. 

Cabo Frio ter seu nome inserido no mundo filatélico, nesta data tão especial que é a comemoração de seus 400 anos, é uma grande e merecida homenagem!!

Luciana G. Rugani

 


UM SELO COMEMORATIVO DOS 400 ANOS DE FUNDAÇÃO DA CIDADE DE CABO FRIO: Sua manifestação foi registrada com SUCESSO!
Prezado(a) Senhor(a) Elísio Gomes Filho
Agradecemos seu contato. Ele contribui para que continuemos aprimorando nossos serviços.
Em breve, responderemos sua solicitação.
Por favor, anote o número do seu protocolo: 21559330.
Dados de sua manifestação:
Mensagem enviada por: Elísio Gomes Filho
Para: Correios
Data: Quinta-feira, 17/04/2014
Atenciosamente,
Central de Atendimento dos Correios
Observações descritas pelo Cliente:
Prezado Diretor Presidente dos Correios,
Serei breve e sucinto. No ano quem vem, precisamente no dia 13 de novembro de 2015, a cidade de Cabo Frio,estará completando 400 anos de fundação. Portanto, faço a sugestão para que os Correios participe deste notável evento, elaborando entre outros, um concurso no Estado do Rio de Janeiro para escolher o selo comemorativo.Faço lembrar que em 1915, os Correios lançou um selo para se comemorar os 300 anos da fundação da mesma cidade. É de se conferir que o referido concurso, dará visibilidade ao evento, marcando a participação cultural e social de vossa nobre instituição. Sem mais para o momento, me coloco a sua disposição
Elísio Gomes Filho
Historiador ambiental e regional

Fonte: https://www.facebook.com/elisio.g.filho/posts/10201016344651362?stream_ref=10

sexta-feira, 11 de abril de 2014

REFORMA ADMINISTRATIVA EM CABO FRIO


O fim maior da administração pública deve ser o interesse público. Temos visto pelo país afora vários exemplos que seguem na linha contrária desse princípio básico. 
Em Cabo Frio, o prefeito Alair Correa mais uma vez faz a diferença e se destaca entre os demais políticos. O prefeito anunciou hoje uma reforma administrativa em que terá que reduzir o número de suas secretarias, entre outros pontos a organizar. Alair mostra que é um político realmente comprometido com o interesse público e responsável com as finanças do município. Um bom administrador público precisa, muitas vezes, tomar medidas mais firmes, que até podem contrariar algumas pessoas, mas isso é porque ele não pode abrir mão do seu dever constitucional de ser um administrador responsável e bom gerenciador das finanças públicas, pois a Constituição Federal ordena que o bem público seja a finalidade maior da administração. Este é o papel do verdadeiro Político cumpridor de seus deveres, e que Alair, mesmo sentindo muito pelas pessoas envolvidas, teve a coragem de assumir.

Luciana G. Rugani


Abaixo segue matéria da Secretaria de Comunicação sobre o assunto:

CABO FRIO - Prefeito Alair Corrêa anuncia reforma administrativa e redução no número de secretarias
Para o prefeito, o momento é de reengenharia na administração e corte significativo nas despesas sem afetar os investimentos em obras e projetos sociais

Diminuir o número de secretarias, realinhar as despesas e dobrar os esforços da equipe de servidores. Estes são alguns dos pontos que o prefeito Alair Corrêa defendeu durante reunião com os secretários para adequar a folha de pagamento aos 54% do orçamento previstos na Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF). Das 28 secretarias atualmente existentes, apenas 18 devem permanecer. O quadro de pessoal também será reduzido.
– Há secretarias que eu não posso extinguir, como Educação, Saúde, Administração, Turismo e Cultura, por exemplo – disse. No projeto para reorganizar a Prefeitura, muitas secretarias serão agrupadas.
Para o prefeito, o momento é de profunda dedicação, porque é preciso uma reengenharia na administração e corte significativo nas despesas sem afetar os investimentos em obras e projetos sociais. Estão garantidos projetos de obras no bairro Jardim Esperança, no Distrito de Tamoios e no centro de Cabo Frio.
- Estamos implantando um choque de gestão administrativa, fazendo que meu pessoal trabalhe mais e gaste menos. Preciso reduzir as despesas em cerca de R$ 6 milhões/mês – disse Alair Corrêa que apontou a redução de despesas como forma de cumprir a LRF.
Na próxima semana, o prefeito vai enviar à Câmara Municipal um projeto de reforma administrativa que prevê a extinção de 12 secretarias.
– A medida pode causar tristeza nas pessoas, mas também causa tranquilidade para que eu possa trabalhar – disse o prefeito.
Texto: da Redação

terça-feira, 8 de abril de 2014

CENTRO DE REABILITAÇÃO PARA DEPENDENTES QUÍMICOS: MAIS UMA BOA IDEIA A SER DIVULGADA

Prefeito Alair Corrêa, quando em visita às obras do Centro de Reabilitação. Foto: Portal da Dignidade (facebook)



Há ideias, projetos e empreendimentos que, por sua relevância social e pela eficácia dos resultados obtidos, entendo que merecem ampla divulgação, até mesmo para servirem de exemplo para iniciativas semelhantes por esse nosso país afora.

Nesta categoria, vamos hoje falar um pouco sobre o Centro de Reabilitação para Dependentes Químicos mantido pela Prefeitura de Cabo Frio, através da sua Secretaria Municipal de Prevenção ao Uso de Drogas - SEPRED, implantado exclusivamente com verba municipal.

Segundo notícia postada no site da prefeitura, a visão de tratamento dado aos internos pelo centro envolve, além dos recursos terapêuticos usuais, a promoção de uma socialização do dependente, através de uma rotina de atividades e de convivência comunitária (muitos internos trabalham durante o dia e a noite voltam para o centro de tratamento) e também a participação das famílias nas terapias de grupo e individuais. Além disso, são realizadas  parcerias com empresas privadas do município onde os internos recuperados encontram emprego, garantindo sua inserção no mercado de trabalho.

O centro começou seu funcionamento em setembro de 2013, com 46 internos. Destes, 22 agora estão recebendo alta médica para retornarem a seus lares, um percentual que, segundo a SEPRED, é superior à media percentual de recuperação das clínicas de todo o país. Destes 22 que estão tendo alta, 14 já estão com empregos garantidos*.

Parabenizo o prefeito Alair Corrêa e sua equipe pela ideia deste projeto pioneiro no país e que, sem dúvida nenhuma, merece servir de inspiração para que ações semelhantes sejam desenvolvidas em nosso país que se encontra tão carente em centros de reabilitação dessa espécie.

*origem das informações: site da Prefeitura de Cabo Frio http://www.cabofrio.rj.gov.br/sala-de-imprensa/noticia/SEPRED+comemora+alta+de+pacientes+contra+dependencia+quimica/3886219b-5a3b-46c5-8e0d-c14d0e6a1426

Luciana G. Rugani

segunda-feira, 7 de abril de 2014

CABO FRIO: HOMENAGEM A WOLNEY TEIXEIRA DE SOUZA

Palavras de Evangelos Pagalidis em homenagem ao grande fotógrafo de Cabo Frio, Wolney Teixeira de Souza, que tanto contribuiu, através de sua arte fotográfica, com os registros históricos da cidade:

 "Amanhã, 8 de abril, é uma data em que todos os amantes da fotografia, principalmente de nossa região, deveriam celebrar: o nascimento, em 1912, do mestre da fotografia, Wolney Teixeira de Souza!
Wolney nasceu em São Pedro da Aldeia, na fazenda de seus avós paternos, Alberto Pereira de Souza e Catarina Cantarino Motta. Aos cinco anos, mudou-se com os pais Antônio Motta de Souza e Almerinda Teixeira de Souza para a residência de seu avô materno Manoel Martins Teixeira - o primeiro prefeito eleito, em 1924, de São Pedro da Aldeia, falecido no exercício do cargo, um ano depois.
Em 1921/1922, instalou-se em Cabo Frio, com toda a família, onde o pai tornou-se o primeiro fotógrafo radicado na cidade. Seguindo as pegadas do pai, Wolney inicia uma caminhada profissional que duraria 53 anos, até sua morte, em 1983, deixando um legado para todos que amam e exercitam essa nobre arte!
Viva Wolney Teixeira!"
(Evangelos Pagalidis) 
 https://www.facebook.com/evangelos.pagalidis/posts/777533505590748 



"Canoa de pesca no canal de Itajuru, 1945".

"Lancha salineira e Ponte Feliciano Sodré, 1949".


"Morro da Guia e Convento de Nossa Senhora dos Anjos refletidos no canal de Itajuru, 1969".

"Canoas com barracas de bebidas e Convento de Nossa Senhora dos Anjos ao fundo, 1958".




sexta-feira, 4 de abril de 2014

PAZ: VIVÊNCIA DA LEI DO AMOR


Gostei do último capítulo da novela "Jóia Rara". Eu assisti só o início da novela, porque me atraiu muito a parte em que mostraram os monges budistas no Nepal. Depois deixei de lado, e agora nos últimos dias me inteirei novamente da história. 

Acho que nossa TV precisava de mais programas mostrando culturas diferentes, principalmente culturas mais espiritualizadas do oriente, para contrabalançar com o materialismo e consumismo ocidentais.

O discurso de paz feito no final pela monja que se tornou a pequena Pérola traduz uma realidade que já está na hora de deixar de ser ignorada e ser mais estudada pelo mundo ocidental: a realidade da Unicidade, ou seja, tudo está interligado em nosso Universo, não há barreiras. Inclusive assim nos tem comprovado a física quântica, através de seus inúmeros experimentos. E neste sistema interligado, que seria a vida, penso eu que viver em paz significa viver em equilíbrio com as verdades universais, com as leis naturais, e entre elas, principalmente, a lei do AMOR.

Abaixo segue a reprodução do discurso:

— "Estamos aqui para falar da paz. Muitos seres estão sofrendo neste planeta por falta de paz. Ninguém fica em paz, nem quem sofre, nem quem causa a dor. A paz só existe no amor ao outro. E quem é o outro que devemos amar? Esses outros, meus amigos, somos nós mesmos. Nesta sala, cidade, país, planeta, galáxia, universo. Acreditem, tudo está interligado, somos todos uma teia, um corpo, num enorme tecido de vida. A ciência está chegando à conclusao de que as barreias fisicas que nos separam não existem, estamos todos juntos, somos todos uma coisa só. Devemos acreditar que nosso pensamento negativo faz mal para o nosso vizinho. E que nosso sorriso aqui vai alegrar alguém do outro lado do mundo. A paz é uma decisão de cada um de nós, porque cada um tem dentro de si o amor, que é a verdadeira joia rara da vida". http://oglobo.globo.com/cultura/revista-da-tv/joia-rara-chega-ao-fim-com-emocionante-discurso-sobre-paz-12096911#ixzz2xxtLEaXe

Luciana G. Rugani

sábado, 29 de março de 2014

CARTA DE PAULO AOS CORÍNTIOS NARRADA POR CID MOREIRA

Só se constroi algo efetivamente sólido com Amor.

Tudo que se faz com amor não é perdido... pode até aparentemente não perpetuar, mas fica registrado em nosso ser, como uma boa semente lançada.

Neste vídeo uma mensagem linda, onde Cid Moreira usa seu maior dom (a comunicação) para fazer isso que falamos: espalhar a boa semente. Semear o Amor.

Se temos um dom, uma tarefa qualquer que saibamos fazer, ou mesmo uma grande vontade de fazer algo, que seja para o bem. Que esta energia seja empregada para disseminar o Bem Maior, pois de mal o mundo já está cheio, já estamos todos cheios e saturados.

E não digo isso simplesmente como um clichê não, é questão de lógica: se há energia, força,  vontade, então que sejam direcionadas para algo que faça com que nos sintamos melhor, e só podemos nos sentir realmente bem ao cultivar o amor.

Nada do que fazemos com Amor é perdido. Nada. Até mesmo isso que faço agora, escrever algumas palavras em um blog. Se faço de coração e colocando amor, isso ficará eternamente em meu registro enquanto ser espiritual.

Luciana G. Rugani

 
 https://www.youtube.com/watch?v=edLTGEHQvy4

quinta-feira, 27 de março de 2014

OS POTENCIAIS DE UMA CIDADE COMO SEUS MELHORES MEIOS DE DIVULGAÇÃO

Quando temos uma ideia, ou um trabalho, ou um local que queremos divulgar, há muitas possibilidades além dos meios já conhecidos e tradicionais. 

Ontem, assistindo ao início do jogo Cabofriense X Flamengo no campeonato carioca, televisionado para todo o Brasil pela Rede Globo e em horário nobre, ouvi o locutor dizer: 
"Cabofriense, time da região dos lagos, da cidade de Cabo Frio, com 200 mil habitantes, um dos lugares mais lindos do mundo". 

Foi aí que pensei: estas palavras ditas em um dos maiores canais de TV, em horário nobre, antes de começar um importante jogo de campeonato transmitido para o Brasil inteiro, onde sabemos o quanto é alta a audiência do futebol, é uma baita divulgação da cidade! Uma fala curta, poucos minutos, mas a repercussão de uma fala assim é grande. Muitas pessoas que ainda não conhecem a cidade certamente tiveram sua atenção e vontade de conhecer despertadas para o local. 

O prefeito Alair Corrêa incentiva o futebol justamente porque sabe dessa relevância do esporte em nosso país. Ele foi muito feliz nessa sua intenção de usar o esporte como meio de divulgação. Ele aproveitou um potencial, no caso o potencial esportivo do time, para levar o nome de Cabo Frio para o Brasil afora. Esta é, sem dúvida, a mais eficaz forma de divulgação, pois o efeito é mais forte do que os tradicionais meios de propaganda. Claro que propaganda é importante, mas uma atividade que vem sendo bem gerenciada e desenvolvida na cidade tem um poder muito maior de levar o nome da cidade e de fixá-lo na mente das pessoas. As pessoas, ao relacionarem o local à atividade bem sucedida, neste caso o esporte, terão muito mais facilidade e interesse em guardar os dados da cidade para agendar futura visita. A divulgação se faz naturalmente.

Uma cidade, onde a principal atividade econômica é o turismo, precisa de divulgação. Parabenizo o prefeito por sua iniciativa de divulgar Cabo Frio através do desenvolvimento de potencial e por buscar seguir esta linha de ação também nas outras áreas da administração da cidade. A propaganda e divulgação virão naturalmente através do desenvolvimento no esporte, na limpeza da cidade, no artesanato, na proteção e cuidado com as belezas naturais, na excelência da saúde e educação, etc.  Não tenho dúvidas de que esta forma de trabalhar será a melhor bandeira de propaganda da cidade. 

O Maracanã iluminado com as cores da Cabofriense e o prefeito Alair Corrêa, presente em todos os jogos.
fonte: https://www.facebook.com/photo.php?fbid=608571095895086&set=a.345811048837760.82250.100002266043296&type=1&theater

Luciana G. Rugani

sexta-feira, 14 de março de 2014

RECOMENDAÇÃO DE FILME: "EU MAIOR"

Alguma vez algo já tocou os seus sentidos e sua consciência de forma a despertá-lo para uma nova percepção de seu ser? Ou para alguma epifania, ou algum "insight"? Alguma vez algo ou a atitude de alguém já fez seu olhar desviar-se da forma, da imagem, para em seguida você se encontrar cara a cara com as indagações mais profundas do ser e com a certeza de que precisa despir-se dessa "capa" para que possa ir em busca das respostas que o farão ainda mais certo de sua amplidão a qual, paradoxalmente, lhe mostrará sua pequenez?

Já me senti assim. Já descobri na natureza, nas palavras, na busca, a certeza de que eu sou "Eu maior". Não sou, ou pelo menos não devo ser, a pequenez de uma vida curta.

Hoje gostaria de recomendar a vocês o filme "EU MAIOR". Composto de entrevistas com pessoas das mais diversas correntes de entendimento, cada uma dando sua colaboração com uma abordagem, um foco diferente, mas todas têm algo em comum: partindo de uma pergunta, ou de uma palavra trivial, ao final da fala nos vemos dentro de uma amplidão de algo mais, algo maior, aquela sensação de ser levado da superfície às profundezas. São falas que funcionam como aquele toque nos sentidos e na consciência a que me referi no início deste texto, nos colocam cara a cara com nossa amplidão e ao mesmo tempo com nossa pequenez.

Vale a pena assistir uma vez para conhecer, e mais duas ou três vezes para meditar nas colocações e defrontá-las com sua própria vida, com seu próprio ser. Autoconhecer-se verdadeiramente: esta é a busca, a razão maior.
Seguem algumas frases do filme que achei por bem destacar para ilustrar este texto:

“Uma maneira de representar o conhecimento é pensar que tudo que a gente conhece está numa ilha, e esta ilha está cercada pelo desconhecido. À medida em que o conhecimento avança, a ilha vai crescendo, mas, à medida em que ela cresce, aumenta também a margem que ela faz com o desconhecido. Ou seja, quanto mais a gente conhece sobre as coisas, mais desconhece também, e mais perguntas surgem. Isso não nos torna menos humanos. Na verdade, nos torna mais humanos e menos deuses” (Marcelo Gleiser - cientista).

"Fazer falta não significa ser famoso, significa ser importante... Muita gente não é famosa e é absolutamente importante. "Importar": quando alguém me leva pra dentro, ele me importa pra dentro, ele me carrega. Eu quero ser importante. Por isso pra ser importante eu preciso não ter uma vida que seja pequena, e uma vida se torna pequena quando ela é uma vida que é apoiada só em si mesmo, fechada em si. Eu preciso transbordar, ir além da minha borda, preciso me comunicar, preciso me juntar, preciso me repartir. Nesta hora minha vida, sem dúvida, ela é curta, e eu desejo que ela não seja pequena" (Mário Sérgio Cortella - filósofo).

Eis aqui o arquivo do filme. Assista, reflita, medite. Você merece isso!



Maiores informações sobre o filme: http://eumaior.com.br/
Luciana G. Rugani

terça-feira, 11 de março de 2014

PROGRAMA DE SUSTENTABILIDADE - RECICLAGEM DO COCO VERDE COMERCIALIZADO

No mundo moderno reciclagem é fundamental. Com o avanço da industrialização, o aumento populacional e o conseqüente aumento de consumo, a produção diária de lixo é enorme. A reciclagem, que em breves palavras significa transformar um produto que seria descartado em um novo produto, surgiu como uma eficaz possibilidade de diminuir esse volume de lixo, consequentemente diminuir a poluição dele derivada e preservar o meio ambiente, e também de gerar renda e emprego. Existem, no nosso país, várias iniciativas de trabalho com reciclagem implantadas através da criação de cooperativas formadas por pessoas antes sem renda, sem trabalho, e que viram na cultura do reaproveitamento a oportunidade de mudarem suas vidas.

Considerando a importância do tema da reciclagem para os dias de hoje e seguindo a linha de propagar as boas ideias e os trabalhos que merecem destaque, venho hoje divulgar o Programa Sustentável de Reciclagem do Coco Verde Comercializado, desenvolvido no município de Cabo Frio pela Comsercaf, empresa que exerce e fiscaliza a execução dos serviços de limpeza da prefeitura. O coco, antes descartado em grande número nas praias e estabelecimentos da cidade, agora transforma-se em fibra e vira matéria-prima para o artesanato. É a partir de ideias como essa que podemos ter cidades mais limpas, sem desperdício e com mais oportunidades de trabalho.

por COMSERCAF: "PROGRAMA DE SUSTENTABILIDADE - Reciclagem do Coco Verde Comercializado.
Coleta do coco verde e transformação em Fibra de Coco.
Coletamos em pontos de comércio previamente cadastrados.Transformamos através de uma máquina trituradora o coco em fibra de coco.
Esta fibra de coco esta sendo atualmente aproveitada no artesanato da cidade. No entanto tem um leque de opções que estamos avaliando esta parceria. Todas as opções visam ajudar o setor de reciclagem e comunidades carentes através de suas associações. A fibra hoje é matéria prima para diferentes produtos".

Fotos: COMSERCAF




 


Luciana G. Rugani

domingo, 9 de março de 2014

ÚLTIMO DIA DO DESFILE DAS ESCOLAS DE SAMBA DE CABO FRIO

Ontem foi o último dia do desfile das escolas de samba do carnaval de Cabo Frio.
Desfilaram as seguintes escolas: 
Grupo de Acesso: Cabeçorra e Acadêmicos do Jardim Esperança
Grupo Especial: Sol a Sol, Em Cima da Hora e Águias da Paz
Hoje, domingo, será realizada a apuração dos desfiles.
Vejam as fotos, tudo muito lindo, colorido e alegre. 
E, fazendo jus à característica de festa popular e democrática que é e deve ser o carnaval, a festa na cidade foi aberta à participação de pessoas de todos os lugares.
Seguem abaixo as palavras do prefeito Alair Corrêa e de William Bruce Pires Neves, funcionário da Secretaria de Turismo da cidade:

por Alair Corrêa - Desde quando comecei a fazer em CF o desfile de escolas de samba sonhei em ter na passarela muitos turistas sendo possível estrangeiros ontem vi meu sonho realizado quando uma das escolas traziam duas Alas de noruegueses uma no chão e outra sobre o carro alegórico como mostra a foto. Nosso carnaval teve muita gente do interior do estado é verdade mas vimos os europeus da uma demonstração de civilidade e de apreço humano ao brincar junto com pessoas simples sem se preocupar de onde vieram tais pessoas. Nosso carnaval no ano que vem será melhor ainda.

por William Bruce Pires Neves - Os alunos dos cursos de Educação Física e Nutrição são de uma universidade pública do país nórdico, a Active Education Sports College, instituição de ensino superior que trabalha em conjunto com a universidade "Høgskolen i Hedmark" e realiza estudos na área de Educação Física em algumas cidades do mundo, dentre as quais, Cabo Frio. Eles desfilaram neste sábado e deram um verdadeiro show de beleza e simpatia, desfilando neste sábado pela Escola de Samba Sol a Sol.

fotos: William Bruce Pires Neves

 


 


 


 


 


 


 



Luciana G. Rugani

sexta-feira, 7 de março de 2014

DIA MUNDIAL DA ORAÇÃO - BREVE REFLEXÃO

A oração nos equilibra, reorganiza nossas energias, e nos põe em contato com o Mais Alto onde encontramos força, alimento espiritual e proteção. 

É o momento em que silenciamos nossa mente, aquietamos nosso coração ansioso, e buscamos nos sintonizar com uma vibração de paz. Acalmamos nosso pensar, focamos na Luz Divina e assim nos deixamos abastecer da energia de Amor que está sempre aí, ao nosso lado, à nossa disposição, mas que nós, por estarmos acostumados a permitir que o murmurinho mental das preocupações cotidianas nos falem mais alto, acabamos dela nos distanciando e assim nos fechamos à sua sintonia.

Hoje é dia mundial da oração. 

Que esta data sirva de alerta e reflexão sobre a importância de educarmos nossa mente e nosso coração diariamente nessa sintonia com o Mais Alto, e sobre o quanto que o hábito da oração feita com fé verdadeira em nossos corações pode melhorar nossa relação com a Vida, nos tornando mais fortes e menos suscetíveis às doenças da alma.

Luciana G. Rugani

Pela oração nos tornamos mais sábios e encontramos o caminho para a solução de angústias e conflitos. Em meio às grandes dificuldades, a pessoa é sustentada pelo amor misericordioso. À medida que nos deixamos conduzir pela experiência da fé, os problemas deixam de ser o fundamento de nossas vidas, pois um só é o fundamento: o Divino Pai Eterno. 
(Pe. Robson de Oliveira)

quarta-feira, 5 de março de 2014

EXERCÍCIO DE CIDADANIA NA PRAIA DO PONTAL DO PERÓ - CABO FRIO

Esta é a Praia do Pontal do Peró, em Cabo Frio. 
Já era linda, mas vejam como ficou mais linda ainda depois do cuidado e limpeza prestados pela Comsercaf, empresa que exerce e fiscaliza a execução dos serviços de limpeza da prefeitura. Areia branquinha, praia com bombonas para recolher o lixo e placas de sinalização. 

Este é o resultado do trabalho de parceria realizado entre a Comsercaf e a Amplocape (Associação dos Moradores e Proprietários do Loteamento Caravelas do Peró). Os moradores não somente solicitam as providências, mas também fazem sua parte colaborando no recolhimento adequado do lixo, no cuidado com os equipamentos colocados  e na manutenção da limpeza. 

Sem dúvida nenhuma, é um exemplo do exercício da verdadeira cidadania, qual seja: um poder público que ouve e atende a população, mas também uma população que faz sua parte preservando, fiscalizando, e ajudando no cuidado e manutenção dos equipamentos públicos.



  








Luciana G. Rugani

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

CABO FRIO INAUGURA PASSEIO TURÍSTICO EM "ÔNIBUS LONDRINO"

CABO FRIO - inaugurado hoje o "ônibus londrino". Trata-se de um ônibus de 2 (dois) andares, assim como são os ônibus de Londres. Um dos andares é panorâmico. 

Com 77 lugares, o veículo tem bancos de fibra resistentes às intempéries, cinto de segurança, sistema individual de som com fones de ouvido para cada passageiro. Na cabine de comando, uma TV com sistema interno permite ao motorista ver o que acontece no andar superior. O ônibus de Cabo Frio já vem equipado com sistema especial para receber portadores de algum tipo de deficiência e cadeirantes. Seu roteiro será pelos principais pontos turisticos da cidade.

– Esse é o primeiro veículo deste tipo no Estado do Rio e coloca nossa cidade na rota internacional do turismo com equipamento de qualidade para receber o turista – disse o prefeito Alair Corrêa.


https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10151888273180672&set=pcb.10151888273235672&type=1&theater

https://www.facebook.com/pages/Secretaria-de-Turismo-Cabo-FrioRJ/445690982168369
https://www.facebook.com/photo.php?fbid=10151888273095672&set=pcb.10151888273235672&type=1&theater

Luciana G. Rugani

ALEGRIA NO CARNAVAL, MAS TAMBÉM NO AMANHÃ

Carnaval chegando. Estradas cheias, festa, bebida... tudo isso previsível. Assim, para amenizar o desconforto e os problemas oriundos de toda essa combinação, só mesmo nos conscientizando de que devemos colaborar fazendo nossa parte enquanto indivíduos. Se estradas estão cheias, nos programemos para, se possível, sairmos mais cedo. Se não for possível, então nos adaptemos a essa realidade e coloquemos nossa paciência em ação, lembrando que a ansiedade não mudará essa situação e que esse tempo de engarrafamento já faz parte de nosso passeio, portanto relaxemos e respeitemos o ritmo que não temos como mudar;

Se bebermos, saibamos aceitar o fato de que, por consequência natural da bebida, nosso corpo terá seus reflexos alterados e isso logicamente interfere na direção do veículo. Respeitemos isso, o efeito da bebida no corpo é lei natural de causa e efeito, portanto respeitemos esta lei que também não temos como mudar;

Se vamos para as ruas ou praias, sabemos que vamos consumir bebidas e comidas, portanto vamos produzir lixo. Saibamos nos organizar para recolhermos o que produzirmos e depositarmos na primeira lixeira que encontrarmos. Saibamos nos reconhecer como seres humanos com potencial e capacidade de intervenção no meio em que vivem, portanto, que nos disciplinemos para que essa intervenção seja sempre buscando não danificar, não sujar, e sim de preservar, cuidar e limpar. Isso é agir com consciência.

Abaixo um lembrete com principais dicas para curtirmos um carnaval mais alegre, menos danoso ao nosso meio e com menor número de consequências negativas:



Luciana G. Rugani

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

PARADISÍACO NORDESTE BRASILEIRO: A OUTRA FACE

Recebi hoje no meu face um post com uma matéria sobre Fernando de Noronha, arquipélago pertencente ao estado de Pernambuco, intitulada "Noronha, o paraíso às avessas" http://www2.uol.com.br/JC/especial/noronha/ . 

As cidades do nordeste são internacionalmente conhecidas, com alto fluxo de turistas durante todo o ano e compõem o destino nacional mais procurado pelos brasileiros para passar o réveillon, ao mesmo tempo em que possuem uns dos mais altos índices de pobreza do país. 

O Brasil é riquíssimo de lugares paradisíacos, tanto no seu litoral quanto nas suas montanhas. Daí que logo chamou a atenção de visitantes estrangeiros, e dos próprios brasileiros interessados em conhecer sempre mais um pouquinho de seu país. Percebeu-se o quanto valeria a pena investir no assunto "turismo. Eu não sou especialista em turismo nem em meio ambiente. As palavras abaixo são apenas uma reflexão que faço acerca desta realidade dura que nos mostra a reportagem.

Imagino que, no início, o turismo tenha entusiasmado visitantes, população local e governos, mas (talvez por falta de uma previsibilidade adequada, ou por excessiva empolgação com a atividade econômica em si e o retorno que poderia trazer) nas cidades nordestinas não houve a preocupação de prevenir as consequências danosas desse estímulo à atividade turística sem planejamento. Não se estudou criteriosamente essa interrelação existente entre a atividade e a população local. Incentivou-se a aglomeração, o interesse econômico de investimento no local mas não houve, conjuntamente, a preocupação de se investir também, no mesmo ritmo, nas condições de infraestrutura de sua população local. Consequentemente, se havia pobreza e favelas, por exemplo, com a entrada de mais pessoas, atraídas pela chance de prosperidade e vindas, muitas vezes, do interior, essa situação se agravou. Se não havia um sistema adequado de saneamento, essa situação também se ampliou drasticamente, gerando outras questões preocupantes, como os graves problemas ambientais, entre eles o lançamento de esgoto nos mares feito muitas vezes sem o tratamento prévio adequado.

Penso, então, que faltou enxergar o turismo como uma atividade econômica que, muito mais que divulgar e incentivar as visitações, tem em seu cerne o ser humano, com suas necessidades, seus desejos e seus ideais de prosperidade. É uma atividade que, para ser bem sucedida perenemente, não pode deixar de levar em conta este fator humano, que é crucial. Há que conciliar uma maior ocupação humana com condições adequadas de uso do espaço, daí a importância de se investir, desde o início, na melhoria das condições de infraestrutura. Claro que, devido ao crescimento advindo do incremento desta atividade, os problemas sociais e ambientais chegarão juntos, mas certamente que, se tivesse havido desde o início um planejamento e investimento adequados para combater estes problemas, logicamente que seus efeitos teriam sido mais amenos. O ser humano, de diversas classes sociais, chega, aos montes, e vai ocupando espaços e iniciando suas atividades, muitas vezes até danosas à ordem social ou ambiental, e se o poder público fecha os olhos para estas questões no início, futuramente elas se agigantam a tal ponto que em alguns casos não resta mais nada a fazer.

Em resumo, não houve essa preocupação quando do início da atividade turística na quase totalidade destas cidades nordestinas. Como parâmetro de percepção, vale acessar o link postado no início deste texto, cuja matéria revela o outro lado do paradisíaco arquipélago de Fernando de Noronha. Vale a pena ler e conhecer esta realidade. É essencial que se tenha o olhar voltado também para o aspecto humano, pois sem esse foco o turismo poderá crescer, mas seus efeitos poderão trazer muito mais dor-de-cabeça do que renda. E ainda, para se tornar uma atividade econômica lucrativa de forma perene, só mesmo minimizando os problemas sociais e de infraestrutura, e, assim, evitando a expansão da pobreza e destruição do patrimônio ambiental. O turismo rentável é o turismo saudável para todas as partes envolvidas (visitantes, cidadãos e espaço físico). O turismo sustentável, que visa o incremento da atividade hoje com vistas à sua perpetuação no amanhã, de forma a permitir que futuras gerações possam continuar usufruindo e convivendo com as particularidades da atividade em condições adequadas e não danosas ao meio, é a grande saída para que a atividade turística não se vire contra o próprio meio social e ambiental onde é exercida, acabando por tornar-se algo danoso e prejudicial.

Luciana G. Rugani

sábado, 22 de fevereiro de 2014

CUERDAS: FILME PEQUENINO, MAS PROFUNDO EM SABEDORIA

Muitas vezes, o pouco que fazemos é o que traz uma grande diferença para o outro.
Mesmo em relação a uma situação que, ao nossos olhos, é impossível de ser resolvida, o pouco que transmitimos de alegria e esperança para quem vivencia essa situação poderá trazer uma grande transformação à sua alma.

O sonho da garota, ainda que não tenha sido realizado da forma que ela desejava, proporcionou um grande bem ao menino e tornou-se uma realização muito maior. Rendeu frutos e levou à descoberta de um novo caminho onde esse bem foi multiplicado para muitas outras crianças.

Cliquem no link e assistam ao vídeo. É pequeno, mas nos transmite uma linda mensagem. Muito emocionante, mas de conteúdo muito sábio. Filmes assim que deveriam ser passados para nossas crianças nas escolas e também em casa:
 
" "Cordas" (Cuerdas) é um curta- metragem espanhol, ganhou o Goya em 2014. O filme foi inspirado nos filhos do seu criador, Pedro Solís, que tem uma filha apaixonada pelo irmão com paralisia cerebral. Uma história comovente e encantadora!"
 
  
 
 https://www.youtube.com/watch?v=xYfK9jaUvg4


Luciana G. Rugani

sexta-feira, 21 de fevereiro de 2014

AMPLIAÇÃO DO AEROPORTO INTERNACIONAL DE CABO FRIO

Nesta quinta-feira foi publicado o edital de concorrência pública para a ampliação do Aeroporto Internacional de Cabo Frio. O aeroporto foi inaugurado no governo anterior do prefeito Alair Corrêa. Possui a segunda maior pista do RJ e uma das mais seguras do país, com capacidade para receber os maiores cargueiros do mundo. Trouxe desenvolvimento à economia de toda a região,  pois é um importante ponto de apoio à atividade de exploração de petróleo e também à atividade turística. 

O aeroporto terá seu pátio de aeronaves ampliado, instalada sinalização horizontal e paineis de sinalização luminosa e ainda serão construídas duas pistas para helicópteros. Com certeza será mais um impulso no desenvolvimento do município, que já anda bastante acelerado. 

E, se somarmos essa infraestrutura de primeira ao plano do governo federal de estimular voos nos aeroportos regionais por meio de subsídio para diminuir o preço da passagem, poderemos ter um boom no turismo da região durante todo o ano, e não somente nas altas temporadas, pois com voos mais baratos e mais frequentes, aumentará o turismo de final de semana, o que certamente trará inúmeros benefícios à cidade e aos seus cidadãos.

Luciana G. Rugani
Veja matéria abaixo:



PUBLICADO EDITAL PARA AMPLIAÇÃO DO AEROPORTO DE CABO FRIO

Secretaria estadual de Transportes vai usar recursos do Programa Federal de Auxílio aos Aeroportos.




Aeroporto de Cabo Frio terá pistas destinadas a helicópteros – O Globo – Hudson Pontes
RIO – Foi publicado nesta quinta-feira o edital de concorrência pública para as obras de construção de duas pistas destinadas a helicópteros, ampliação do pátio de aeronaves, sinalização horizontal e painéis de sinalização luminosa do Aeroporto Internacional de Cabo Frio.
O edital foi publicado pela Secretaria estadual de Transportes, que vai usar recursos, no valor de R$ 8,9 milhões, repassados pelo governo federal através do Programa Federal de Auxílio aos Aeroportos.
Com a conclusão das obras, em oito meses, o movimento de passageiros transportados em helicópteros passa de 600 para 1.200 por dia. As aeronaves transportam petroleiros de Cabo Frio para as plataformas marítimas da Petrobras. A expectativa é que a movimentação aumente com a exploração do petróleo do pré-sal.
Além dos recursos federais, já liberados, o Grupo Libra, que administra o aeroporto, prevê investimentos de R$ 100 milhões com a construção de um novo terminal de helicópteros, que já conta com licenciamento ambiental do Inea. O aeroporto também tem registrado aumento de operação de voos comerciais de sete empresas. No ano passado, 230 mil passageiros passaram pelo terminal, que também está sendo preparado para receber voos durante a Copa do Mundo e as Olimpíadas.
Para facilitar o acesso ao aeroporto, a prefeitura de Cabo Frio pavimentou uma nova via de acesso, com dois quilômetros de extensão e que custou R$ 1,3 milhão. A rodovia evita que os usuários tenham que fazer um longo contorno passando por Arraial do Cabo para chegar ao terminal. Ainda falta melhorar a pavimentação da pista na entrada do aeroporto, na área de competência do Departamento de Estradas de Rodagem (DER).
— A ampliação do aeroporto já está provocando reflexos na economia, com a construção de novos hotéis e reforço na receita do município — disse o prefeito de Cabo Frio, Alair Corrêa, que iniciou as obras do aeroporto em 1997.
Fonte – O Globo

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

FINAL DE SEMANA EM CABO FRIO

Neste fim de semana fizemos uma curta viagem a Cabo Frio. Foi um período curto (de sexta no fim de tarde a domingo pela manhã) mas foi intenso, pois tivemos várias atividades e encontros com pessoas muito queridas das quais estávamos com saudades.

Aproveitamos para conhecer a nova orla da Praia do Forte, e também a Praça das Águas. Tudo simplesmente lindo! Maravilhoso! O prefeito Alair Corrêa está de parabéns,  pois esta praça a anos carecia de uma reforma. Estava escura, sem vida, e por isso ficava muito vazia à noite. Ele conseguiu revitalizá-la tornando-a novamente um lugar atrativo, gostoso para se frequentar com a família. 

Um local bem iluminado com lâmpadas de led coloridas, projeto que une beleza e criatividade. Saímos de lá já mais tarde, por volta de meia-noite, e o local ainda estava com bastante movimento, com crianças brincando e pessoas curtindo os novos quiosques.


 



 No dia seguinte pela manhã fomos aproveitar a praia que, conforme já tínhamos observado na noite anterior, estava com a areia bem mais branca e limpa. Aproveitei para tirar foto de alguns quiosques que começavam a se preparar para o andamento do dia. E depois fomos nos encontrar com alguns amigos que lá estavam. Foi um dia de muita felicidade e descontração:

 

 À noite fomos convidados para um encontro de amigos na Pousada Marília. Quero aqui aproveitar e parabenizar o proprietário Ronaldo, que nos recebeu com todo acolhimento e atenção. Atendimento de primeira, e o que é melhor: sentou conosco e nos brindou com uma boa conversa, oportunidade que tivemos de conhecer uma pessoa ímpar, que sabe gerenciar o seu negócio com uma visão moderna. Como ele próprio diz, e que eu concordo plenamente, nada vale a pena se não houver satisfação. Seu trabalho não é um peso, pois ele o realiza com prazer. E busca fazer de cada momento de sua atividade um instante agradável, pois afinal de contas trabalho não precisa ser sinônimo de stress. Ronaldo, mineiro cabofriense assim como eu, foi um perfeito anfitrião fazendo com que nos sentíssemos em casa. Parabéns, e sucesso sempre, Ronaldo!


Quem quiser conhecer e se hospedar bem em Cabo Frio, não deixe de conhecer a Pousada Marília!  http://www.booking.com/hotel/br/pousada-marilia.pt-br.html?aid=370574;inj=1#HotelFacilities
E maiores informações através do e-mail  pousadamarilia@gmail.com



Luciana G. Rugani

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...