segunda-feira, 8 de maio de 2017

CABO FRIO - RESUMO DAS PRINCIPAIS NOTÍCIAS DESTA SEGUNDA - 08/05

Notícias do dia de nossa cidade - repassadas pela SECOM da prefeitura. Fique por dentro, comente, debata, compartilhe, interaja. Nosso blog é divulgação e interação:

DESTAQUE:

FEIRA DE ADOÇÃO DE ANIMAIS NESTA TERÇA-FEIRA (9) NO SHOPPING PARK LAGOS, DAS 10 H ÀS 17 H


3ª edição da Feira de Adoção de Animais acontece nesta terça (9)
Ação será no Shopping Park Lagos das 10h às 17h


A Prefeitura de Cabo Frio realiza nesta terça-feira (9) a 3ª edição da Feira de Adoção de Animais. A ação vai acontecer no estacionamento do Shopping Park Lagos, das 10h às 17h. O projeto é realizado pela Superintendência de Proteção aos Animais. Serão disponibilizados pelo Canil Municipal cerca de 40 cães.
Para adotar um animal de estimação é preciso ter mais de 18 anos e apresentar os seguintes documentos: RG, CPF e comprovante de residência. Vale ressaltar que todos os animais estão vermifugados, castrados, e com boas condições de saúde.
"Adotar é mais do que um gesto de caridade ou de solidariedade, é um ato de amor e de responsabilidade. É um desafio que traz muitas recompensas para quem adota", ressaltou a superintendente de Proteção aos Animais, Caroline Midori.

Denúncia de maus tratos aos animais

A Superintendência de Proteção aos Animais disponibiliza um telefone para a população realizar denúncias de maus tratos a algum animal. O telefone é (22) 9.9237-6507. As ligações podem ser feitas de segunda a sexta-feira, das 9h às 17h.
________________
Guardas Marítimos de Cabo Frio concluem curso de combate a incêndio florestal
 Ministrado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), curso ensinou várias técnicas

Os Guardas Marítimos e Ambientais de Cabo Frio Claudio Roberto Ferreira Marins, Jean Pierre de Cristo, Leandro Cavalcante Garcia, Marcelo Vicente da Silva, Miriam de Lima Ferraz Pereira, Ricardo da Conceição Barbosa e Viviane Silva da Conceição, concluíram, na noite de sexta-feira (5), o curso de combate a incêndios florestais ministrado pelo Instituto Estadual do Ambiente (Inea), em Guapimirim, município da região metropolitana do Estado do Rio de Janeiro.
Durante o curso foram ministradas técnicas de abafamento, abertura de aceiros e outros sistemas de combate aos incêndios florestais.
Para o coordenador do Meio Ambiento da Secretaria de Desenvolvimento da Cidade, Eduardo Pimenta, o curso é de extrema importância para o município: “além de guardas marítimos e ambientais, agora temos seis especialistas em combate a incêndios florestais, que serão multiplicadores dessas habilidades em nosso município”, salientou.
Já o secretário de Desenvolvimento da Cidade, Cláudio Bastos, enfatizou o interesse dos guardas em participar do curso: “Cada um dos seis guardas marítimos de Cabo Frio pagou pela estadia e alimentação. A Secretaria arcou apenas com o transporte. Isso mostra como o trabalho que foi implantado nesta nova gestão está incentivando nossos agentes a se dedicar ainda mais para cuidar do nosso bem maior, que é o nosso meio ambiente. A cada novo curso, estaremos proporcionando mais condições para que um número cada vez maior de agentes seja qualificado em novas funções”, finalizou.
__________________
Cabo-friense representa a cidade em exposição estadual de peixes ornamentais
Criador teve o apoio da Superintendência de Pesca e Aquicultura
O pescador e criador de peixes ornamentais da Colônia de Pescadores de Cabo Frio, Edson Gaeco, representou a cidade em uma exposição estadual de aqüicultura neste fim de semana, com o apoio da Superintendência de Pesca e Aquicultura.
A ExpoBettas-Rio 2017 aconteceu no sábado (6) na sede da Associação dos Aquicultores Ornamentais do Estado do Rio de Janeiro (Aquorio). “São poucos criadores de peixes ornamentais na região. É um privilégio poder representar a cidade e impulsionar o setor nesses grandes eventos”, disse Edson.
O criador vem conquistando representatividade e títulos desde quando iniciou a criação dos peixes em 2013. Edson ganhou a primeira colocação em vendas como representante do Estado do Rio no Encontro Nacional de Criadores Bettas em 2016, e ganhou quatro premiações em um evento em Aracaju, no Estado de Sergipe, em 2015.
“É muito importante apoiarmos essa iniciativa pois mostramos que a criação de peixes ornamentais é também uma fonte de renda, além de levarmos a cidade de Cabo Frio em eventos estaduais e nacionais”, disse o superintende de Pesca de Aquicultura, Alexandre Marques.
___________________
Prefeitura regulariza serviço de iluminação pública 
Em quatro meses de trabalho mais de sete mil demandas foram atendidas

O município de Cabo Frio volta, aos poucos, a ser iluminado. No período de quatro meses, a Companhia de Serviços Públicos de Cabo Frio (Comsercaf) já atendeu parcialmente 95% dos bairros da cidade. Ao todo, o município tem 28.400 pontos de luz; e destes, mais 60% estavam apagados e as reclamações passavam de cem por dia.
De acordo com o balanço feito pela Comsercaf no primeiro quadrimestre de 2107, a cidade recebeu iluminação em 7.300 pontos. Além dos serviços de manutenção e troca de lâmpadas, a empresa está fazendo também, quando há necessidade, o serviço de extensão de rede para alimentar um ou mais pontos sem energia, ou quando há roubo de cabos, bem como pequenas podas de galhos que estejam obstruindo o fluxo luminoso de um determinado ponto de iluminação pública.
Para atender as demandas que chegam diariamente pelos canais de comunicação da Comsercaf e da Prefeitura, a companhia trabalha em dois turnos, dia e noite, com cinco caminhões nas ruas e um exclusivo para atender as emergências. Durante a noite as equipes percorrem os bairros e marcam os postes apagados com uma fita zebrada para que a manutenção seja feita durante o dia.
A Comsercaf orienta a população que nos bairros onde não há postes de luz, a população deve solicitar o serviço à ENEL. Somente após a colocação do poste é que a Comsercaf pode entrar com a iluminação. Os pedidos para a troca de lâmpadas queimadas ou para a colocação de novos pontos de luz podem ser feitos através dos telefones: 2648 8906 ou 2648 8907 (de segunda a sexta-feira - das 8h às 17h) ou por email: comsercafmidia@gmail.com
Cabo Frio é o primeiro município a participar do “Estágio de Familiarização”
Secretária de Turismo e coordenador de Eventos passam o dia na Secretaria Estadual de Turismo
A secretária de Turismo Fabíola Bleicker e o coordenador de Eventos, Saulo Mira, inauguraram na última sexta-feira (5) o projeto “Estágio de Familiarização”, da Secretaria Estadual de Turismo. Cabo Frio foi o primeiro município do estado a participar do programa. Durante todo o dia, a secretária e o coordenador trabalharam na sede da TurisRio, onde visitaram e vivenciaram a rotina de diversos setores. O objetivo do programa é o fortalecimento institucional, a melhoria da qualificação profissional das secretarias municipais de Turismo e a consolidação de um intercâmbio entre os municípios e a Secretaria Estadual.
Segundo o secretário de estado de Turismo, Nilo Sergio Felix, esses encontros são fundamentais também para nivelar o conhecimento dos representantes municipais acerca das políticas federal e estadual de turismo.
“O desenvolvimento sustentável do setor é uma premissa de extrema importância. Para isso é vital que os municípios estejam integrados não apenas dentro de suas regiões como também com os gerenciadores da atividade turística do Estado. Por isso sentimos a necessidade de reformular e reviver esse projeto de aproximação dos representantes municipais com a nossa Secretaria”, declarou Nilo.
Para Fabíola Bleicker, a iniciativa da Setur-RJ em convidar os municípios para conhecer o seu funcionamento foi muito valioso.
“Durante o dia em que passamos aqui, aprendemos muito com os profissionais e vamos trazer esse conhecimento para Cabo Frio. Essa parceria entre o Estado e os municípios é muito importante”, afirmou Fabíola.
O “Estágio de Familiarização” está aberto para os 92 municípios do Estado, que receberão o convite da Setur-RJ. O próximo a visitar a sede da secretaria será Quissamã, programado para o dia 18 de maio.
_________________
Programa Super Líder começa na próxima quarta (10)
Capacitação, voltada para presidentes das Associações de Moradores, oferece cursos gratuitos

Começa nesta quarta-feira (10), a capacitação gratuita do Programa Super Líder, uma parceria entre a Prefeitura e a Index Cursos Profissionais. Nesta primeira fase, duas turmas, compostas por oito alunos cada uma, terão encontros semanais onde aprenderão Informática, Liderança e Elaboração de Documentos e Formulários.
"Ficamos muito felizes pelo programa ter sido tão assertivo no que se refere às necessidades diretas dos líderes comunitários. Antes acreditávamos, mas diante do resultado da reunião de apresentação, na última semana, temos a certeza da importância e relevância desse programa na transformação das comunidades", afirmou o diretor da Index, Ítalo Sampaio.
Segundo ele, o treinamento é totalmente custeado pela empresa e a parceria com poder público rende frutos, tanto para a instituição quanto para a sociedade. Sampaio comemorou a adesão nesta primeira etapa do programa.
"Estamos conseguindo atuar como agente de transformação da nossa cidade e isso não tem preço. Sem contar que devido à parceria estamos conseguindo transcender a nossa operação empresarial que é oferecer cursos de idiomas, gestão, informática, maquiagem e muito mais", contou.
Para Adriana Freire Novaes, diretora de Ensino Tecnológico da Coordenadoria-Geral de Ciência, Tecnologia e Inovação, o objetivo da parceria é integrar cidadãos, oferecendo-lhes conhecimento e auxiliando na conquista de espaço das comunidades na sociedade. Segundo ela, é fundamental o comprometimento das Associações de Moradores nesse processo.
"Desejamos integrar os cidadãos permitindo-lhes melhor acesso aos serviços públicos bem como a outros benefícios promovidos pelo conhecimento tecnológico. Para isso é imprescindível que sejam ofertadas oportunidades para todos, principalmente para as comunidades que buscam se organizar e ter "voz", que desejam conquistar um espaço mais digno e saudável para a convivência social. É oportuno que seja crescente o envolvimento das organizações comunitárias, pois através delas o alcance será mais amplo e satisfatório. Acreditamos que a tecnologia é a ponte que possibilitará vários encontros e grandes descobertas", assegurou.
__________________
Prefeitura firma parceria para estimular cultura entre pacientes dos Caps
Projeto Circuito de Artes visa incluir esse grupo com transtornos mentais nas atividades da Secretaria de Cultura

A Secretaria de Cultura firmou uma parceria com a Coordenadoria de Saúde Mental, da Secretaria de Saúde, com a Universidade Veiga de Almeida e com a Fábrica de Música-Ponto de Cultura para selar um novo projeto da pasta: o Circuito de Artes, que visa incluir os pacientes dos Centros de Atendimento Psicossocial (Caps) nas atividades da Secretaria de Cultura.
O novo projeto foi apresentado pelo secretário de Cultura, Ricardo Machado e pela a diretora do Departamento de Políticas Culturais, Susiane Borges, à coordenadora da Saúde Mental, Sandra Aquino, numa reunião na semana passada. A previsão é que seja implantado no segundo semestre deste ano.
O Circuito de Artes é uma ação compartilhada e cada instituição desempenhará um papel para contribuir com a expansão da cultura. O transporte dos pacientes até os locais onde acontecem as programações que envolvam a Secretaria de Cultura fica a cargo da Secretaria de Saúde. A Secretaria de Cultura irá colaborar com recursos estruturais de acolhimento, ou seja, a disponibilização de espaços para realização das atividades. E os alunos do curso de Psicologia da Universidade Veiga de Almeida irão acompanhar os pacientes e também trabalhar a metodologia da Fábrica de Música-Ponto de Cultura, que é a musicoterapia.  
Segundo a diretora do Departamento de Políticas Culturais, Susiane Borges, a iniciativa representa a Cultura da cidade cumprindo a missão de embasar ações em todos os âmbitos da sociedade, fortalecendo seu papel de protagonismo identitário e solidificando as ações transversais com a Secretaria de Saúde do município, ampliando, assim, seu espectro de diversidades.
“É necessário trabalhar na saúde tendo por referência a cultura, buscando uma síntese entre o saber técnico, que valoriza a sobrevivência, com o interesse e o desejo das pessoas atendidas”, disse a diretora.
Os CAPS possuem caráter aberto e comunitário, com equipes multiprofissionais e transdisciplinares, que realizam atendimento a pessoas com sofrimento ou transtornos mentais graves e persistentes, sem excluir aqueles decorrentes do uso de crack, álcool ou outras drogas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...