terça-feira, 14 de novembro de 2017

PRAIA DO FORTE E PRAÇA DAS ÁGUAS EM DOIS TEMPOS

Revendo os vídeos que foram veiculados há dois anos por ocasião dos quatrocentos anos da cidade, trago um deles à divulgação novamente aqui no blog para que possamos comparar e refletir.

O vídeo nos mostra os pontos turísticos ainda bem cuidados, e a repórter ressalta a limpeza das praias. A Praça das Águas ainda linda, sendo sucesso de visitação e os turistas elogiando. 

É comum ouvirmos pessoas dizerem que o poder público só cuida da Praia do Forte por ser o principal ponto turístico da cidade, mas não é bem assim. Postei há alguns dias um artigo sobre o microlixo naquela praia onde solicito providências, pois o risco de acidentes é grande. Dias atrás, um senhor quase feriu seu pé em um espetinho, por sorte não aconteceu. A praia esta carente de uma limpeza mais fina na sua areia, há nela muitos objetos perfurantes. Seria bom que essa limpeza, feita através dos tratores "tatuís da praia", fosse providenciada antes da alta temporada, quando há novamente enorme acúmulo desse microlixo. A Praça das Águas segue sem cuidados e sem a iluminação especial que a tornava tão atrativa à noite. Um ponto turístico de tal relevância, na orla da praia mais famosa, nunca poderia ficar como está, é descuidar do próprio cartão de visitas! Alta temporada bate na porta e pelo visto mais uma vez teremos um verão sem a beleza da praça e com areia repleta de lixo!

Revejam o vídeo, comparem e reflitam. Uma praia tão linda, atrativa e famosa, juntamente com sua orla que tornou-se destaque em diversos sites de turismo, serem tratadas dessa forma, sofrendo com lixo e falta de manutenção, isso não é atenção preferencial. Apenas  deixa clara a impressão, para nós, cidadãos, e para os turistas, de que, se até mesmo o mais famoso ponto turístico é tratado dessa forma, o que  dizer do restante da cidade...

Seguem o vídeo, fotos da areia e fotos comparativas da Praça das Águas:

Video feito por ocasião dos 400 anos da cidade, há dois anos. (fonte: Rede Globo)


Luciana G. Rugani

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...